Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / LUTO

Primeiro namorado de Marília Mendonça faz homenagem à cantora: “Uma pessoa muito boa”

Kayo Peixoto relembra romance com Marília Mendonça e lamenta partida precoce da Rainha da Sofrência

Redação Contigo! Publicado em 09/11/2021, às 19h44

Primeiro namorado de Marília Mendonça faz homenagem à cantora - Instagram
Primeiro namorado de Marília Mendonça faz homenagem à cantora - Instagram

Primeiro namorado de Marília Mendonça, Kayo Peixoto, de 27 anos, falou nesta terça-feira (09) sobre a relação que teve com a cantora, cerca de 10 anos atrás, quando ela tinha apenas 15 anos de idade.

Em conversa com Fábia Oliveira, do Em Off, o empresário, que mora atualmente na Europa, contou que artista, que faleceu na última sexta-feira (05), após um trágico acidente de avião, foi o seu primeiro amor.

“Ela foi meu primeiro amor. Tenho muitas lembranças, mas a que mais me marca foi quando eu estava sentado com ela na cama da mãe dela, em uma pequena kitnet atrás do Buriti Shopping, e ela cantando pra mim. Eu disse a ela: ‘um dia você vai ficar muito famosa. Você canta muito e suas músicas são lindas’. Ela ganhava muitos concursos de música. Inclusive acho que o primeiro concurso que ela ganhou foi no Colégio José Alves de Assis, onde eu estudava e ela também”, relembra.

Peixoto contou que ele e a Rainha da Sofrência namoraram por um ano, mas que tiveram algumas recaídas após o término. Ele disse ainda que desde muito jovem ela sempre foi uma pessoa boa e sempre demonstrou bondade com as pessoas ao seu redor.

O empresário explicou ainda que perdeu contato antes mesma da cantora lançar seu primeiro DVD, mas que recebeu um convite quando a fama veio: “Uma amiga em comum entrou em contato para que eu fizesse uma homenagem para ela no ‘Arquivo Confidencial’, mas não participei porque era casado e minha então mulher tinha muito ciúme do passado”, confessou.

MÚSICA ESPECIAL

Kayo contou que não teve oportunidade de falar com a mãe de Marília, dona Ruth, após o ocorrido. Ele disse que prefere esperar um tempo até entrar em contato para desejar as condolências.

Sem esconder o choque com o incidente, ele foi só carinho: “A gente fica sem acreditar que ela se foi. Marília era muito querida. Não só por mim, mas por todos que a conheciam”, disse ele, revelando ainda que a sertaneja fez uma canção para ele: “Chamava ‘Amor da Vida’, mas eu perdi a letra com o tempo”.

Veja: