Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
A Fazenda / EITA!

Fora de 'A Fazenda', Tati culpa comparações com Jojo Todynho: "Não preciso copiar ninguém"

Chocada ao descobrir favoritismo de seu rival e repercussão negativa de sua participação, ela criticou comparações do público

Redação Publicado em 29/10/2021, às 07h30

Fora de 'A Fazenda', Tati Quebra Barraco culpa Jojo Todynho:  "Não preciso copiar ninguém" - Reprodução/Record TV
Fora de 'A Fazenda', Tati Quebra Barraco culpa Jojo Todynho: "Não preciso copiar ninguém" - Reprodução/Record TV

Eliminada de A Fazenda antes do que imaginava, a funkeira Tati Quebra Barraco reclamou das comparações com Jojo Todynho. Na primeira entrevista após deixar o reality já na madrugada desta sexta-feira (29), ela lembrou que é bem diferente da cantora que foi campeã da competição no ano anterior.

"Isso é desde que a Jojo surgiu. Eu acho que as pessoas têm que entender um pouco que eu tenho 23 anos de carreira, eu não preciso tá copiando ninguém. Eu admiro a história dela, cada um com o seu conteúdo, mas eu não vim na vibe dela, a Tati Quebra Barraco eu acho que a maioria das pessoas sabe que eu sou o que eu trilhei na minha trajetória", disse à "Cabine de Descompressão".

Na conversa, ela disse que sempre notou que seria pressionada pelos fãs a copiar a cantora.

"Quando eu fui cotada as pessoas falaram que eu ia imitar a Jojo Todynho, que eu ia querer ser Jojo. Gente, eu acho que ninguém tem que ser ninguém, nem nascendo de novo. Cada um tem a vida que Deus lhe deu", afirmou.

Ao descobrir que Rico Melquíades é o favorito a vencer, a estrela de Boladona se mostrou surpresa e declarou sua torcida para MC Gui e Solange Gomes

"O ranço continua. Eu acho que tudo pode mudar e se for para ele chegar até a final é porque está escrito. É difícil falar quem chega [na final], mas eu estou torcendo pelos dois", disse.

QUE MICO

Na noite desta quinta-feira (28), Erasmo Vianacometeu uma gafe perigosa ao se confundir e 'defender' o capacitismo - termo que define o preconceito contra pessoas com deficiência.

"Capacitismo é uma coisa muito interessante, muito nobre. É uma causa que eu nem sabia que existia. Capacitismo é fazer com que os deficientes se sintam parte da sociedade", disparou ele.