Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Últimas / Tristeza

''Caroline Bittencourt entrou em estado de choque'', diz amigo ao dar detalhes inéditos da tragédia

Pânico do marido, choque da modelo, amigo entrega detalhes inéditos da tragédia

Redação Contigo! Publicado em 06/05/2019, às 09h43 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

Caroline Bittencourt - Reprodução/Instagram
Caroline Bittencourt - Reprodução/Instagram

Amigo e ex-marido da modelo Caroline Bittencourt, o empresário Giba Ruiz Vieira contou em entrevista à coluna da jornalista Fábia Oliveira no jornal O Dia, como foram os momentos de tensão vividos pela modelo no barco em que estava.

As informações foram apuradas pela jornalista Fernanda Alves.

"Ela estava segurando os cachorrinhos e não se segurou direito. Foi quando veio uma onda de través (perpendicular à linha longitudinal do barco), bateu e ela foi para a água. O Jorge (Sestini, marido de Carol) se desesperou, se jogou na água e o barco foi embora. Ele orientou Carol a soltar os cachorros e começar a nadar, só que ela entrou em pânico porque se sentiu culpada de estar soltando os cachorros. Carol entrou em estado de choque, perdeu os sentidos e afundou", disse.

"Eles estavam indo embora da Ilha. Esse barco eles também usavam para fazer o cruzamento do continente para a ilha, por isso as malas dos dois estavam a bordo, porém a dele estava em um saco amarelo e já foi resgatada. A dela não estava no saco amarelo, e sim no pé dela", revelou.

"Não estava muita ventania, não estava chovendo tanto. Estava só o mar revolto", conta ele.

COMUNICADO

Isabelle Bittencourt fez uma postagem oficial em seu perfil no Instagram. A filha de Caroline Bittencourtpublicou uma declaração em nome da família toda, falando das circunstâncias da morte da mãe, esclarecendo vários pontos que ficaram confusos desde o acontecido, no último domingo (28). Confira a mensagem na íntegra:

"Informamos com pesar o falecimento da nossa amada filha, irmã, mãe e esposa: Caroline Bittencourt. Sua partida nos deixou devastados e com uma imensa sensação de vazio, afinal, ela sempre se fez muito presente. Mesmo com toda dor, estamos rezando e temos muita fé... de que ela está em paz e nos braços do criador! Esclarecemos que o terrível acidente que levou nossa amada, foi causado por um forte vendaval que atingiu o Litoral Norte de São Paulo no último domingo, dia 28 de abril. Ela e seu marido, Jorge Sestini, estavam fazendo de barco a travessia entre Ilhabela e São Sebastião, rumo à capital paulista. Aproximadamente na metade da travessia, eles foram surpreendidos por ventos muito fortes (rajadas que passavam de 125km/h segundo registros oficiais), esses ventos arremessaram a Caroline e seus dois cachorros ao mar.. que estava super revolto e com visibilidade muito ruim, seu marido saltou imediatamente ao mar para resgatá-la! Ambos ficaram à deriva e, mesmo com todos os esforços possíveis e em conjunto, Caroline infelizmente não aguentou mais manter-se nadando e se afogou - lamentamos. Jorge, após nadar cerca de 3 horas foi resgatado, já tarde da noite, por um barco que passava no local. Agradecemos de coração por todas as mensagens de conforto, demonstrações de carinho, solidariedade, respeito e compreensão de todos. Toda essa manifestação só nos mostra o quanto a Caroline era querida, com sua luz, bondade e energia contagiante. Devemos sempre lembrá-la com alegria, amor e, claro, muita saudade - oremos - gratidão.

De seus pais, irmãs, filha e marido, respectivamente:
Familia Bittencourt 
Família Barbosa 
Família Sestini.
"

Isabelle é a única filha de Caroline e tem 17 anos de idade. Ela morava com a mãe em São Paulo e depois da tragédia seu pai, o empresário Giba Ruiz Vieira, se mudou para a cidade para ficar com a filha.

ESCLARECIMENTOS

A postagem parece tentar mostrar a posição oficial da família de Caroline, deixando claro que não há nenhuma suspeita quanto a Jorge Sestini, que a acompanhava no barco e sobreviveu.

Nesta quinta-feira (2), a internet começou a teorizar de maneira bastante insensível quanto a um possível envolvimento de Jorge na tragédia, principalmente depois da divulgação da informação de que a polícia aguardava um depoimento formal do empresário.