Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!

Erika Moura, a Globeleza: "Meu corpo é minha arte"

Em contagem regressiva para o Carnaval, Erika Moura encara pela segunda vez o posto de Globeleza e revela que não tem nenhum tipo de insegurança frente às câmeras

Por Mariana Silva Publicado em 28/01/2016, às 09h16 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

Globeleza - Globo
Globeleza - Globo
Os preparativos para o Carnaval já estão à toda! Na contagem regressiva, a Globo já exibe a nova vinheta que tem como estrela a dançarina Erika Moura. Este é o segundo ano consecutivo em que ela ocupa o posto de Globeleza. O reinado, aliás, veio como um presente para Erika, que completou 23 anos no dia da gravação. “O primeiro ano foi maravilhoso. Desta vez não poderia ser diferente! Para mim, foi marcante não só por ser o segundo, mas pelo megapresente de anivesário”, conta.
A chamada traz novidades. A produção foi feita de forma minimalista, sem efeitos de computação gráfica ou chroma key (técnica de efeito visual com fundo verde, substituído depois) e o processo de pintura corporal de Erika contou apenas com faixas retas coloridas, mas que se encaixavam perfeitamente durante a dança. “Foram mais ou menos 11 horas de pintura. É um pouco cansativo, mas muito gostoso, afinal, estou me preparando para o Carnaval. Sei que o pessoal vai me ver e se identificar, então vale a pena”, diz Erika, que revela não ter nenhum tipo de timidez ou insegurança com o corpo frente às câmeras. “Eles me deixam sempre muito à vontade, então não rola nada disso, não. Penso que meu corpo é meu trabalho, é a minha arte. Não estou aqui para mostrá-lo, mas, sim, para a dança”, diz. 


Globeleza pelo segundo ano consecutivo, Erika usa uma pintura corporal mais simples (Fotos: Estevam Avellar/TV Globo) 

ALIMENTAÇÃO
E se engana quem pensa que os cuidados com o corpo surgem apenas no Carnaval! Mesmo longe do brilho da passarela do samba e das vinhetas coloridas, a musa não descuida da boa forma e, atualmente, se dedica ao curso de Educação Física. “Gosto de cuidar do corpo. Quando me formar, pretendo ter uma academia com áreas voltadas à dança”, explica ela, que namora o dançarino Gabriel Henrique, 20. Para se preparar para os dias de folia, Erika segue uma rotina regrada de exercícios e atividades. “Faço academia quase todos os dias, danço muito e cuido da alimentação. Nesta época, eu evito comer frituras, que é uma coisa que gosto muito, mas não dá para abusar”, conta ela, aos risos.


O processo de pintura corporal durou cerca de 11 horas (Foto: Estevam Avellar/TV Globo)