Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Últimas / Declaração

Após decisão judicial, Mileide Mihaile quebra o silêncio e pede paz: ''Esperança de dias melhores''

Influencer comentou o novo momento após acordo de pensão com ex-marido

Redação Contigo! Publicado em 30/07/2018, às 11h58 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Mileide Mihaile se posiciona após decisão judicial - Reprodução Instagram
Mileide Mihaile se posiciona após decisão judicial - Reprodução Instagram

Depois de uma longa polêmica,  a influencer Mileide Mihaile se posicionou nesta segunda-feira (30) após o acordo judicial selado com o ex-marido, Wesley Safadão.

"Eu desejo uma semana extraordinária pra cada um de vocês. Desejo o renovo de Deus, desejo a Paz de Cristo, desejo alegrias, desejo união familiar, desejo resiliência, desejo que sonhos estejam alinhados com os sonhos de Deus pra você, desejo esperança de dias melhores, desejo armadura espiritual e emocional, que vocês vivam os melhores momentos de toda história de vocês. BOM DIA", escreveu na sua página.

ACORDO

O cantor Wesley Safadãoenviou um comunicado oficial para informar o resultado da audiência sobre a pensão alimentícia de seu filho, Yhudy, que aconteceu nesta sexta-feira (27) na 12ª Vara de Família do Ceará. De acordo com o documento, ficou acordado que o artista continuará pagando o valor que já praticava desde 2015 - segundo noticiado pela imprensa, o valor exercido pelo artista antes da audiência era de R$ 9 mil por mês. No entanto, há poucos dias, o cantor chorou no Instagram e declarou que não pagava apenas 10 salários mínimos para o filho. 

DISPUTA

Wesley Safadão se emocionou ao publicar uma série de vídeos nas redes sociais em que desabafa sobre a disputa com a ex-mulher, Mileide Mihaile."É difícil demais falar essas coisas porque por mais que eu seja uma pessoa pública, eu não queria que meus filhos sofressem. É muito difícil ver tudo isso que tá sendo publicado, tudo isso que tá sendo falado, mas eu entendo que o Yhudi vai crescer. E eu não quero que ele veja o pai falando da mãe", afirmou.

Envolvido em uma disputa judicial, o cantor se pronunciou em junho em um comunicado enviado através de sua assessoria de imprensa sobre a polêmica. "Em nenhum momento o cantor entrou na Justiça para diminuir os valores pagos ao filho, pelo contrário, o pedido é para aumentar a oferta de benefícios e para que a juíza determine de maneira mais específica a forma como os recursos devem ser pagos e destinados, já que o objetivo é que essa quantia proporcione a manutenção e bem-estar da criança", diz a nota.