Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!

Bianca Rinaldi vive Virgem Maria e fala sobre ser mãe novamente!

A atriz, mãe de gêmeas, vive Virgem Maria no teatro e conta sobre sua família

Redação Contigo Publicado em 23/03/2016, às 10h22 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h44

Bianca Rinaldi Maria - Felipe Souto Maior
Bianca Rinaldi Maria - Felipe Souto Maior
Bianca Rinaldi se prepara para viver mais um desafio na sua carreira: interpretar Maria, a mãe de Jesus, na Paixão de Cristo de Nova Jerusalém, em Pernambuco, que fica em cartaz na cidade até o dia 26 de março. Aos 41 anos, a atriz, que já é mãe de gêmeas, Beatriz e Sofia, de 6 anos, revelou que pretende ser mãe mais uma vez e contou como concilia o trabalho com a família.


Como surgiu o convite para viver Maria?
Quando recebi o convite fiquei muito feliz por viver Maria, um papel extremamente importante, marcante, que está no imaginário de todo mundo é de uma responsabilidade muito grande fazer uma mulher tão pura, tão forte, guerreira e disponível para Deus. Estou amando.

Como foi a preparação para viver mãe de Jesus?
Eu tenho um certo receio de me preparar porque ela já está pronta. Eu tenho que ir através do texto que me é dado, com o figurino, com tudo. O personagem já está pronta, não tem muito o que fazer. Ficar pesquisando muito sobre a Maria, se vou fazer assim ou assado, não dá. Nem convêm fazer isso. É uma afronta até a própria personagem que vem tão clara para todo mundo.


Ainda tem planos para maternidade?
Não sei. Tem momentos que tenho vontade, mas tem momentos que não. Hoje não é o momento pra isso, mas até aos 45 anos posso pensar. Mas para ter um filho hoje em dia tem que se pensar muito. O que você vai poder proporcionar, porque quero sempre proporcionar o melhor. Que mundo ele vai viver? Ter um filho é fácil, criar é mais difícil. No momento tenho duas pequeninas para criar, pra ver crescer muito bem se Deus quiser e estou dedicada para elas.

Como concilia o trabalho com a família?
Exige um exercício bem grande, mas que é uma delicia. Amo minha família, amo estar com eles. Amo meu trabalho e minha família sabe que é importante para mim e me dão total apoio.  Sou muito verdadeira com elas, porque o trabalho é importante para mim. Consigo conciliar sim, tenho ajuda do meu marido que tá sempre disponível, uma babá muito boa, que me ajuda muito com as meninas e em casa. Você tem que formar sua equipe bem estruturada e ter organização, pois se não tiver, não vai. Eu e o meu marido conversamos muito sobre nós. A gente se cobra pra manter sempre esse nosso amor vivo por que é importante