Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!

Ator é vítima de 'boa noite Cinderela' e perde tudo: ''Não lembro de nada''

Ator de série da Globo perdeu todo o dinheiro e pertences pessoais após golpe

Redação Contigo! Publicado em 15/03/2019, às 09h54 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Moreno Nunes - Reprodução
Moreno Nunes - Reprodução

O ator Moreno Nunes, que atuou na série Carcereiros da TV Globo foi mais uma vítima do golpe conhecido como Boa Noite, Cinderela.

Ele foi vítima quando frequentou uma boate no centro de São Paulo

Segundo informações do Extra, ele perdeu todo o dinheiro que estava em sua conta bancária, o celular e as chaves de casa roubadas. O ator foi deixado sem camisa jogado em uma rua no bairro de Bom Retiro, na região central paulista.

"Início de ano é um período difícil para quem trabalha com entretenimento porque a maioria das pessoas estão de férias. Eu tinha viajado para o exterior e o Rio de Janeiro, tinha RS 3.700 na conta para conseguir iniciar o ano. Fui a uma balada com meus amigos para me divertir e lembro de tudo até 1h, depois não lembro de mais nada, é um apagão", contou ele.

Agora, ele enfrenta uma batalha para tentar conseguir o dinheiro que perdeu de volta.

"O banco disse que não iria me devolver o dinheiro porque o cartão não havia sido clonado, teoricamente, eu dei mole com minha senha. Fui à delegacia mais próxima da minha casa porque não tenho dinheiro para ir até a que fica perto da balada onde tudo aconteceu. Lá, sofri com o preconceito e o policial falou de uma forma como se eu frequentar uma casa noturna, estava assumindo o risco de passar por esse crime. Mas ele ficou surpreso com todas as provas que consegui, e ao buscar pelo CPF do suspeito viu que ele tinha duas passagens pela polícia", disse.

"Eu só lembro daquela noite até às 1h, depois há um apagão na minha vida, não sei como deixei a balada. Eu registrei o crime e nada aconteceu mesmo tendo passado o CPF do suspeito. Eu fico sem dinheiro e como vítima e ele fica com tudo aproveitando do suor do meu trabalho?", desabafa.