Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
TV / VOCÊ RECONHECEU?

Livro é o terceiro desmascarado do 'The Masked Singer': "Não é fácil"

Livro é o terceiro desmascarado da quarta temporada do 'The Masked Singer Brasil' e identidade de cantor famoso é revelada; descubra quem é!

Matheus Aguiar

por Matheus Aguiar

maguiar_colab@caras.com.br

Publicado em 04/02/2024, às 16h55

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Livro é o terceiro desmascarado do 'The Masked Singer': "Não é fácil" - Reprodução/TV Globo
Livro é o terceiro desmascarado do 'The Masked Singer': "Não é fácil" - Reprodução/TV Globo

Na tarde deste domingo (04), no The Masked Singer Brasil, a identidade do Livro foi finalmente revelada: era ninguém menos que o cantor Supla. Após uma rodada de apresentações do terceiro grupo, o artista perdeu a disputa e foi desmascarado.

Após a votação da plateia, o Livro ficou entre os dois menos votados e precisou retornar ao palco para disputar contra Dona Porquinha. Ele tentou se livrar da eliminação com a música Blowin’ In The Wind, de Bob Dylan, mas não agradou tanto - quando tirou a máscara, ele surpreendeu os jurados.

"Adorei a experiência, não é fácil cantar outros estilos", disse ele, que chegou a cantar Jesus Cristo, do cantor Roberto Carlos, e Wonderwall, da banda Oasis. Aliás, a escolha da música final foi uma homenagem ao pai, o deputado Eduardo Suplicy: "Não falei para o meu pai que ia estar aqui, mas fiz uma homenagem pra ele".

Supla tem 57 anos, é natural de São Paulo e trabalha como cantor. Esse, vale ressaltar, não é o primeiro reality show que o artista participa: para quem não se lembra, ele foi vice-campeão da Casa dos Artistas, extinto programa do SBT.

Veja:

DESMASCARADO

Acelino Popó Freitas, o Popó, é quem estava por baixo da fantasia de Chimarrão no The Masked Singer Brasil. Ele foi eliminado na tarde deste domingo (26) e pegou Ivete Sangalo de surpresa ao deixar a competição musical na Globo.

Antes de revelar sua identidade, o famoso ainda enfrentou a Preguiça em um duelo, mas não conseguiu convencer os jurados de que deveria continuar na disputa. "A gente tem uma decisão, sim, unânime, mas queria dizer que foi difícil. Enquanto a Preguiça entregou voz, o Chimarrão levantou a plateia. Esse não é um programa de canto, mas de performance. Os dois entregaram, mas qual agradou mais? Qual é o personagem que tem mais futuro nessa competição?", opinou Paulo Vieira.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!