tv   / Posicionado

Apresentador da CNN, Diego Sarza se posiciona sobre protestos e dispara: ''Vidraças voltam, vidas não''

Após acusações de "vandalismo", jornalista defendeu protestos; veja

Redação CONTIGO! Publicado sábado 21 novembro, 2020

Após acusações de
Apresentador da CNN, Diego Sarza se posiciona sobre protestos - Reprodução/CNN Brasil

Diego Sarza surpreendeu seguidores ao se posicionar sobre os protestos desta sexta-feira (20).

O apresentador da CNN foi na contramão da cobertura da emissora, que caracterizou momentos dos protestos, incluindo a quebra de vidraças e um início de incêndio, como "vandalismo". Ele, que é negro, foi contundente ao afirmar que os danos materiais não importam frente às perdas de vida.

"Vandalismo é ter medo de apanhar, de morrer por causa da cor da pele. Vandalismo é ter menos oportunidades e por aí vai... Minha solidariedade a todos os familiares do Beto e, por extensão, a todas as vítimas de racismo no Brasil. Vidraças voltam pro lugar. Vidas não", disparou no Twitter.

Seguidores concordaram: "Ensina para os seus colegas da CNN, a turma só pensa na propriedade privada. Claro que a máxima só vale quando a comparação é com uma vida preta, se fosse um pet da branquitude teria mais valor", afirmou um. 

NA GLOBO

Thelma Assis desabafou no É de Casa deste sábado (21) sobre o caso mais recente de racismo no Brasil.

A vencedora do BBB20, que apresenta o programa em comemoração ao Dia da Consciência Negra, falou a respeito do assassinato de João Alberto Silveira Freitas, espancado e morto em um estacionamento de supermercado em Porto Alegre. "Eu estou muito feliz de estar aqui, mas, ao mesmo tempo, triste por ver mais um cidadão negro assassinado. E bem na véspera do Dia da Consciência Negra! A gente não aguenta mais esse tipo de notícia", disse Thelma, passando a palavra para seu co-apresentador, Manoel Soares.

Veja:

Último acesso: 30 Nov 2020 - 19:45:09 (1131290).