Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / EITA!

Maitê Proença diz que gostaria que a namorada fosse homem: “Sempre gostei”

Namorando a cantora Adriana Calcanhotto, Maitê Proença diz que gostaria que a artista não fosse mulher

Redação Contigo! Publicado em 26/06/2022, às 15h30

Maitê Proença diz que gostaria que a namorada fosse homem - Instagram
Maitê Proença diz que gostaria que a namorada fosse homem - Instagram

Namorando com a cantora Adriana Calcanhotto a atriz Maitê Proença voltou a comentar seu relacionamento com a artista e deu uma declaração polêmica sobre o envolvimento com a amada.

Em entrevista à revista JP, a veterana, que está junto da cantora a quase um ano, afirmou que preferia que a eleita fosse um homem. Isso porque ela afirma que sempre preferiu se relacionar romanticamente com pessoas do sexo oposto, mas acabou se apaixonando por Adriana.

"Eu queria que ela (Adriana) fosse homem. Para essa atividade sempre gostei mais de homem. Mas ela é mulher, gosto dela e aceito isso. Sei que as feministas e os LGBTs não vão gostar do que acabei de dizer, mas, honestamente, é assim, entendeu? Posso experimentar algo diferente para estar com ela", disse a artista.

Nas redes sociais, a declaração causou estranheza e dividiu opiniões. Por um lado, mutos acreditam que a fala ocorreu pelo medo de amar outra mulher sendo mulher também. No entanto, muitos criticaram a postura da atriz, dizendo ainda que Adriana Calcanhotto deveria terminar a relação.

“Esse bagulho de Maite Proença dizer que queria que a Adriana Calcanhotto fosse um homem só mostra o quão desafiador é ser uma mulher que ama outras mulheres. Não tem homem envolvido a pessoa entra em pane”, disse uma usuária do Twitter.

Veja:

RELAÇÃO MELHOROU

A atriz Maitê Proença detalhou sua intimidade com a namorada, a cantora Adriana Calcanhotto. Vivendo um romance feliz desde o ano passado, ela disse que sua vida sexual melhorou.

“Agora é bem mais legal, sim. Antigamente, eu estava lá investigando, experimentando um pouco aqui e ali. Precisei fazer muitas experiências para chegar a um lugar mais livre e relaxado”, contou à "Veja".

Ela também fez uma reflexão sobre a maturidade e disse que hoje busca outro tipo de relacionamento.