Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Gaby Amarantos é excluída do Prêmio Multishow e diz que sofreu xenofobia: "Triste"

Gaby Amarantos acusou a premiação de ignorar artistas da região Norte e pediu mais respeito

Redação Contigo! Publicado em 09/12/2021, às 15h02

Gaby Amarantos é excluída do Prêmio Multishow e diz que sofreu xenofobia: "Triste" - Reprodução/Instagram
Gaby Amarantos é excluída do Prêmio Multishow e diz que sofreu xenofobia: "Triste" - Reprodução/Instagram

A cantora Gaby Amarantos ficou de fora das indicações do Prêmio Multishow e se mostrou bem chateada com a falta de representação dos artistas da região Norte.

Nas redes sociais nesta quinta-feira (09), dia seguinte do evento, ela disse que essa falta de incentivo desestimula os artistas.

"Artistas da Amazônia, região Norte não existem para as premiações Brasileiras e isso dá um desestímulo da porra. A gente faz álbum, lança os clipes mais fodas, mas nos ignoram, que vontade de gritar que nós existimos! Nos respeitem! Não é só o Premio Multishow, são todas as premiações", escreveu ela.

Gaby Amarantos, que é natural de Belém, no Pará, lançou recentemente seu segundo álbum Purakê. Nas músicas e nos clipes, ela enaltece a Amazônia e mostra mais da realidade da população ribeirinha que mora na região.

"Pessoas do Norte, não aceitem migalhas, temos que exigir a presença nos nossos em todos os lugares. Nós consumimos, nós somos portadores do maior bem desse país, a Amazônia. Chega de virem fazer campanha nas nossas praias, nossas florestas, e sempre deixar nosso povo de fora!", continuou ela no desabafo.

Ainda indignada, ela declarou estar sofrendo preconceito: "O nome disso é xenofobia! A gente não quer só que venham gravar clipe, matérias ou publis aqui, a gente não quer que só mostrem aparelhagens, gastronomia ou as outras belezas. É legal, importante, mas a gente tem cena pop da Amazônia, artistas, e a gente precisa se ver lá também! Égua eu tô muito triste!".

Por fim, ela pediu mais respeito a todos os artistas dessa região: "Eu só peço respeito aos artistas nortistas, não falo só de mim e sim de toda uma cena musical/artística representa grande parte de um país. Não dá para fazer prêmios, campanhas publicitárias, festivais sem pensar no Brasil como um todo. É muito triste ter que exigir isso!".

PURAKÊ

Após um hiato de quase uma década, a cantora Gaby Amarantos lançou em setembro o seu segundo álbum, Purakê. Com 13 músicas e parcerias com nomes como Elza Soares, Alcione, Dona Onete, Ney Matogrosso e Linker, o trabalho sucede o sucesso Treme, que em 2012 levou o som típico do Pará para as rádios de todo o Brasil.

Agora, o objetivo da cantora é outro: promover uma reflexão a partir da Amazônia, espaço que é mítico e referência na construção do imaginário brasileiro. A bordo de uma barco no rio Tapajós, a cantora criou o conceito do disco que já está disponível em todas as plataformas de streaming.