Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Saúde

Conrado é extubado e apresenta quadro clínico estável: "Encontra-se lúcido"

Conrado é extubado e apresenta melhora significativa no quadro clínico; leia boletim médico

Redação Contigo! Publicado em 11/05/2022, às 16h28

Conrado é extubado e apresenta quadro clínico estável: "Encontra-se lúcido" - Reprodução/Instagram
Conrado é extubado e apresenta quadro clínico estável: "Encontra-se lúcido" - Reprodução/Instagram

Um novo boletim médico foi divulgado nesta quarta-feira (11) com atualizações do estado clínico do cantor João Vitor Moreira Soares, conhecido publicamente como Conrado. O sertanejo sofreu um grave acidente de ônibus durante o final de semana ao lado de sua dupla, Aleksandro, que não resistiu. 

A assessoria de imprensa divulgou o novo folheto. De acordo com o documento, Conrado foi extubado na noite desta terça-feira (11), está lúcido e respirando sem a ajuda de aparelhos. 

"Informamos que o paciente João Vitor Moreira Soares permanece internado no Hospital Regional de Registro, em Unidade de Terapia Intensiva. Apresenta melhora clínica e laboratorial, foi extubado por volta das 19 horas de ontem (10/05) e encontra-se lúcido e em respiração espontânea. O quadro é estável. Reafirmamos a ausência de necessidade de nova intervenção cirúrgica nas últimas 24 horas", diz o boletim. 

O informativo ainda traz notícias de outro membro da equipe que também se encontra na UTI do mesmo hospital, Júlio Cesar Bigoli Lopes. Ele está em estado grave e foi submetido a uma cirurgia no fêmur esquerdo.

EXPLICAÇÃO

A assessoria da dupla Conrado e Aleksandro emitiu uma nota oficial nesta quarta-feira (11) em que se pronuncia sobre a denúncia realizada pelo programa Balanço Geral, da Record TV.

O programa revelou que o ônibus que se acidentou e vitimou Aleksandro acumulava mais de 180 multas de trânsito. Na nota, eles questionam a relação entre a informação levantada pelo programa e a causa do acidente. 

"(...) os números não são unicamente do motorista que dirigia no momento da fatalidade. E, principalmente, as infrações por si só não apontam culpados do acidente", diz um dos trechos.