Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / EITA!

Cantor Jão desabafa sobre sexualidade: "Não dá para ficar justificando"

Após lançamento de clipe, cantor Jão desabafa sobre comentários exigindo que ele justifique sua sexualidade; entenda

Redação Contigo! Publicado em 10/02/2022, às 18h56

Cantor Jão desabafa sobre sexualidade: "Não dá para ficar justificando" - Reprodução/Instagram/Youtube
Cantor Jão desabafa sobre sexualidade: "Não dá para ficar justificando" - Reprodução/Instagram/Youtube

O cantor Jão fez desabafo nas redes sociais nesta quinta-feira (10) após o lançamento do clipe da sua música Idiota.

Com referências de filmes como Homem-Aranha, 10 Coisas que Eu Odeio em Você e O Segredo de Brokeback Mountain, ele surge com um homem em algumas cenas, e os dois aparentam ser um casal no clipe, mas não chegam a se beijar, o que gerou algumas críticas pela falta de representatividade.

Em postagem nas redes sociais, ele falou que não quer ter que justificar sua sexualidade novamente.

"Amigos, não dá pra eu ficar justificando a minha sexualidade a cada trabalho que lanço. Desde que apareci é isso. Tá chato já", escreveu Jão, que é bissexual. 

Nos comentários, alguns fãs apoiaram o ídolo: "Você não tem que ficar mostrando carteirinha de sexualidade pra fiscal nenhum Jão, esse povo que é sem noção e não tem a própria vida pra cuidar", disse um. "Não pensei nisso, pensei em mais uma questão de representatividade mesmo, o que é difícil de se ver. Se a gente não ver isso da comunidade, vamos ver de quem é de fora?", opinou outro. 

FALOU TUDO

O cantor Jão falou sobre a sua bissexualidade no programa "Prazer, Luísa" na Multishow, no último sábado (21).

Parceiro de Luísa Sonza na música "fugitivos", que ainda não foi lançada, o cantor falou com a amiga sobre a sua sexualidade.

"Eu não sou privado, não sou uma pessoa envergonhada ou tímida... Eu só talvez nasci num processo que a internet ainda não era uma coisa tão grande. Ou sei lá se é uma coisa de pessoa do interior. Eu coloco tudo na bagagem do interior, mas acho que não é bem assim", contou ele, que nasceu em Américo Brasiliense, no interior de São Paulo.