Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!

De olho na passarela: contorno, tranças, sombra degradê, headbands...

Confira o que rolou na Semana de Alta-Costura de Paris

Por Renata Telles Publicado em 27/07/2017, às 13h36 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h45

paris - Getty Images
paris - Getty Images
Não foram só os vestidos de princesa que chamaram atenção durante a Semana de Alta-Costura de Paris, na França, entre 2 e 6 de julho. A beleza apresentada nas passarelas já mostra um pouquinho do que continua e o que será tendência na próxima temporada. O delineado, o contorno e a pele natural seguem com tudo! “Aposto em make dourada e olhar bem definido, delineado nos cílios superiores e inferiores como apareceu no desfile de Elie Saab. Já no Jean Paul Gaultier, Raica Oliveira veio com lábios vermelho bordô. A pele é corrigida para que o batom brilhe e o contorno bem definido faz com que a altura das maçãs ilumine de forma natural o make”, explica Joana D’Arc, make-up artist do Studio Tez/Spa do Cabelo, em São Paulo. 

A mistura de cores na pálpebra superior também deu o que falar nos desfiles de Alberta Ferretti e Chanel. Será que essa moda pega? “É uma sobreposição formando um degradê cheio de atitude. Os tons mais quentes como canela, vermelho e laranja acetinado fazem uma fusão interessante”, acredita. 

Na passarela da marca Valentino, o branco foi a estrela principal. “Ele tem sua sofisticação em pontos específicos iluminando o canto interno e externo dos olhos, deixando um delineado sutil no centro. A textura acetinada dá todo um charme final. O branco pode entrar no look do dia a dia, por exemplo, delineado num segundo desenho após o preto”, ensina Joana. 

Acessórios em alta
No cabelo, os fios são mais polidos e sem frizz, como mostrou Valentino e Elie Saab. Aliás, o estilista libanês, assim como Zuhair Murad, adiantam outra tendência: headbands. “Esse acessório pode ser usado durante o dia. O cabelo também não precisa estar solto. Ele pode ser preso ou combinar com uma trança fina”, explica Evaldo Ribeiro, hairstylist do Studio Tez/Spa do Cabelo. Por falar em trança... elas continuam firme e forte. “O modelo fininho embutido usado na grife Gyunel dá charme aos fios. Truque de mestre: não puxe muito o cabelo na hora de trançar. O diferencial é deixar os fios mais soltinhos. Já na marca Iris Van Herpen, a trança afro é uma referência, muito fashion. Ela serve, inclusive, para disfarçar o volume de quem está passando por uma transição capilar”, diz o profissional.