Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
BBB / SE ARREPENDEU

BBB22: Após ameaça, Paulo André volta atrás e muda discurso: “Não tenho coragem”

Irritado ao receber Castigo do Monstro, Paulo André faz ameaça e muda de ideia após conversa com Pedro Scooby e Arthur Aguiar

Redação Contigo! Publicado em 01/04/2022, às 18h14

BBB22: Após ameaça, Paulo André volta atrás e muda discurso: “Não tenho coragem” - Reprodução/Globo
BBB22: Após ameaça, Paulo André volta atrás e muda discurso: “Não tenho coragem” - Reprodução/Globo

O brother Paulo André voltou atrás e decidiu dar sua parte para realizar as compras da semana. É que, nesta sexta-feira (01), após receber o Castigo do Monstro de Jessilane, o brother ameaçou não dar estalecas para comprar a comida para os integrantes da Xepa.

Em conversa com Pedro Scooby e Arthur Aguiar, ele disse que não teria coragem de cumprir suas palavras. Os três comentaram que a comida da casa já está bem escassa e que a semana ainda não começou. Eles ainda relembraram que fizeram uma refeição a mais no dia, o que pode ter feito a comida acabar mais rápido.

“Eu estou zoando. Eu falo assim, mas eu não consigo não, eu vou dar tudo também”. Arthur Aguiar então diz que essa é a melhor opção, até porque se o atleta não der as estalecas, ele também sofrerá as consequências com a falta de comida na casa.

“Tu sentes fomes também, tu precisas de comida, pô”. Paulo André rebate e diz que consegue ficar de boa: “Aguenta ficar uma semana sofrendo porque não deu mais dinheiro?”, questiona Arthur Aguiar. “Aguento!”, garante Paulo André. “Que loucura”, rebate o marido de Maíra Cardi.

Pedro Scooby então dá um toque no amigo: “Hoje ainda é sexta. Só lembrando que começou hoje”. Paulo André então reclama sobre alguns participantes que perderam estalecas. Sem citar nomes, ele diz que o que realmente faz falta é justamente o que é perdido nas punições.

Veja:

REVOLTADO

Escolhido para o Monstro, o ator Arthur Aguiar reclamou muito nesta sexta-feira (1) e prometeu revidar o que considerou um ataque de Jessilane"Eu tive três chances de botar ela no Monstro, quando fui Anjo e não botei nenhuma vez. Ela ganhou um voto que ela não tinha", disparou revoltado. 

"Tu sabia que ela iria te puxar?", questionou ele para Paulo André, outro dos castigados. "Não, não sabia. Ela tinha outras opções", afirma o atleta olímpico. "Mas quem ela iria botar?", pergunta o ator.