Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
BBB / BBB21

BBB21: Carla Diaz tenta estreitar relação com Lumena e ouve sermão: "A sua ação gera uma reação"

Ela tentou evitar ruídos na relação com a psicóloga e acabou protagonizando uma discussão daquelas

Redação Contigo! Publicado em 06/02/2021, às 20h25 - Atualizado às 20h39

<blockquote class="twitter-tweet"><p lang="pt" dir="ltr">É incrível como em todo o momento a Lumena tenta fazer a Carla pagar de racista, sendo que ela só é pessoa agradável e simpática. O erro dela foi ter ouvido Fiuk, que não sabe nem do que fala. É um - Reprodução/Instagram
<blockquote class="twitter-tweet"><p lang="pt" dir="ltr">É incrível como em todo o momento a Lumena tenta fazer a Carla pagar de racista, sendo que ela só é pessoa agradável e simpática. O erro dela foi ter ouvido Fiuk, que não sabe nem do que fala. É um - Reprodução/Instagram

A atriz Carla Diaz e a psicóloga Lumena tretaram feio na casa do Big Brother Brasil 21.

"Essa é a primeira vez que você me indaga na frente de outras pessoas. Eu me senti exposta", afirmou a baiana.

"Eu fui perguntar porque eu não tinha certeza se você tinha falado comigo. Eu pensei em falar com você naquele momento porque a gente nunca teve uma conversa", justificou Carla mencionando que estranhou que as duas não conversaram após o resultado da prova do anjo.

Lumena então partiu para a ignorância. "É sempre sobre você. Você esta sempre se colocando sobre a prioridade. A partir do momento que você me enquadra na frente de outras pessoas, você me expõe. Se você me chamasse num canto e dissesse o que está pensando, mas na frente de outras pessoas é complicado", disse ela.

Carla se mostrou surpresa e disse que não tem qualquer problema com a profissional. 

"Se eu tivesse um problema sério com você, eu ia virar para você. Com a gente não teve nada. Estou sentindo um negócio esquisito e eu não gosto de sentir isso."

A discussão seguiu e foi parar até em questões raciais.

"A sua ação gera uma reação. Estou deixando claro o meu incômodo. Eu estou falando sobre pessoas, se a gente teve questões, eu estou aberta. O que me incomoda é esse seu movimento impessoalizado de me direcionar alguma questão que é sua. Eu não preciso corresponder a uma expectativa sua."