Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Últimas / Nascimento

Bella Falconi apresenta a filha recém-nascida e mostra fotos do parto

Influenciadora digital deu à luz nesta segunda-feira (20)

Redação Contigo! Publicado em 20/08/2018, às 17h26 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Bella Falconi - Reprodução / Instagram
Bella Falconi - Reprodução / Instagram

A influenciadora digital Bella Falconi encantou a todos ao apresentar a filha recém-nascida, Stella. No final da tarde desta segunda-feira (20), ela mostrou o rosto da herdeira nas redes sociais e escreveu uma mensagem como se fosse a pequena.

“Prazer mundão, eu sou a Stella! Mamãe está babando muito em mim, mas quer ‘dividir’ com vocês também! Obrigada Dra. Wendy Quirino por ter trazido essa estrela ao mundo!”, disse.

Stella nasceu na manhã desta segunda-feira (20) e é fruto do casamento com o empresário Ricardo Rocha. 

Mais cedo, Bella  fez um relato de seu parto e falou sobre como foi sentir as dores da contração, o momento em que passou mal, a decisão por tomar a anestesia e ainda o susto ao ver o cordão enrolado no pescoço da filha.

"Cheguei no hospital pouco antes da meia noite. As contrações já estavam fortes e doloridas e minha mente focada em trazer Stella ao mundo através de um parto natural lindo. Já entrei no hospital com quase 5 cm de dilatação... algumas horas se passaram mas a minha dilatação não aumentou mais. Tomei doses gradativas de oxitocina e segui firme no propósito de não tomar anestesia. Depois da oxitocina, minha dilatação aumentou rápido e as dores também. Eu nunca senti tanta dor na minha vida. Pensei que fosse desmaiar, minha pressão despencou, fui até 8 cm sem nada de anestesia, até o momento que minha dor já estava me deixando louca a ponto de querer arrancar meu próprio cabelo (sim eu puxei meu próprio cabelo e arranquei um tufo rs), mordi o braço da minha mãe e quase quebrei o dedo do Maguila", disse ela.

Ela declarou que não teve receio em aceitar a anestesia. "Gritei tanto mas tanto que devo ter acordado todos os bebês do hospital. Não teve jeito - tive que abrir mão do meu sonho e aceitei a anestesia. Fraca eu? Jamais. Fui muito corajosa e me dei o direito de mudar de plano. 9 horas da manhã eu já estava com 10 cm de dilatação. Empurrei verozmente por 10 minutos e Stella coroava mas não saia. Os batimentos dela despencaram por uns minutos e eu fui do céu ao inferno, mas para a glória do Deus que sirvo, ela recuperou os batimentos e seguimos com os planos".