Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
TV / EMOÇÃO

Margareth Menezes é aplaudida após discurso sobre racismo no ‘Domingão’: “Fere”

Em desabafo comovente durante 'Show dos Famosos', Margareth Menezes faz apelo ao público

Redação Contigo! Publicado em 21/11/2021, às 19h57

Margareth Menezes é aplaudida após discurso sobre racismo no ‘Domingão’ - Reprodução/Globo
Margareth Menezes é aplaudida após discurso sobre racismo no ‘Domingão’ - Reprodução/Globo

Neste domingo (21) Margareth Menezes comoveu os telespectadores do Domingão com Huck, após fazer um discurso comovente sobre o racismo, um dia após celebração da Consciência Negra no Brasil.

Homenageando Sandra de Sá em sua apresentação no Show dos Famosos, a cantora decidiu falar sobre a importância da data e foi aplaudida pela plateia do programa.

"Eu quero fazer um apelo à sociedade brasileira, porque nós precisamos de respeito", disse ela, enaltecendo sua homenageada que, em outro momento, também prestou tributo a ela.

"Ela é uma mulher urbana, afro, negra, brasileira. A primeira vez que a vi, ainda criança, foi em um festival cantando olhos coloridos. Já tive oportunidade de cantar com ela e fazer isso hoje é muito emocionante. Ela é uma figura muito representativa para nós, e essa música tem muito a ver com isso. Só posso agradecer a essa figura", revelou ela, sem conter a emoção.

É importante colocar esses assuntos na pauta, porque a dor que fere a nós, pessoas negras, pais e mães de famílias, jovens, está insuportável. Falta consideração até pela palavra da pessoa que diz ser inocente e, mesmo assim, é levado e fica anos preso. Tem vários casos. Vamos parar com isso. Todos nós queremos um país melhor.

EITA!

A atriz Claudia Raiaprotagonizou um momento poderoso durante o Domingão com Huck que foi ao ar neste domingo (21). Ela deu um "chega pra lá" em ninguém menos do que Boninho. Tudo aconteceu logo após a apresentação de Gloria Groove. Enquanto fazia elogios para a artista, o diretor da Globo tentou interrompê-la e se deu mal.

"Eu preciso te falar, vou até levantar. Você é um artista de um quilate, de um poder. Você dança qualquer coisa, canta qualquer coisa. Você é único. Eu tenho tanto orgulho de você ser brasileiro", começou ela.