tv   / Ao vivo

Fátima Bernardes conduz entrevista firme com major da PM após o caso Paraisópolis

Ao enfrentar porta-voz ao vivo durante o Encontro, ela foi elogiada nas redes sociais

Redação Contigo! Publicado terça 3 dezembro, 2019

Ao enfrentar porta-voz ao vivo durante o Encontro, ela foi elogiada nas redes sociais
Fátima Bernardes: posição firme durante o Encontro - Reprodução

A apresentadora Fátima Bernardes foi muito elogiada nas redes sociais por sua postura firme ao conduzir uma entrevista ao vivo no Encontro com a major Cibele Marsolla, porta-voz da Polícia Militar do estado de São Paulo.

Ao vivo, a major disse que a Polícia Militar age preventivamente e que, quando o baile está instalado, não há ação policial. Segundo ela, a PM chegou e foi atacada.

"Não seria o caso avaliar se seria mais interessante pensar no risco dos policiais e da comunidade?", quis saber Fátima Bernardes. Em outro momento, ela também pressionou a major.

"Mas Major, nós temos imagens de policiais batendo em pessoas em um beco! Não é um trabalho de prevenção", disse.

Em outra situação, a major alegou que algumas imagens veiculadas não eram do momento. "Tem mãe que identificou o filho ali que está enterrado hoje", rebateu a jornalista.

A apresentadora seguiu se posicionando. "A senhora diz que tem um trabalho de prevenção, mas eles acontecem e continuam acontecendo. É questão de se preparar, não adianta dizer que é ilegal porque eles acontecem. A gente precisa garantir que eles aconteçam com segurança para policiais e as pessoas. Ninguém sai ganhando em uma situação como essa", afirmou.

Nas redes sociais, muitos comentários elogiaram a atitude combativa de Fátima Bernardes.

Último acesso: 08 Jul 2020 - 04:30:18 (1090451).