Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
TRISTEZA

Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos

Muito conhecida no meio gospel, ela se tratou em casa, doença avançou e ela não resistiu; veja

Redação Contigo! Publicado em 16/06/2021, às 17h35

Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos - Reprodução/Instagram
Cantora gospel que defendia tratamento precoce morre de Covid-19 após ter os pulmões comprometidos - Reprodução/Instagram

Faleceu na última semana a cantora gospel Cristiane Ferr.

Ela tinha apenas 48 anos de idade e não resistiu às complicações da Covid-19.

Segundo informações da Folha, ela começou a se tratar em casa, mas não adiantou: em pouco tempo, o pulmão foi comprometido e ela precisou ser hospitalizar.

Nas redes sociais, ela era defensora do tratamento precoce conmo uso de medicamentos. Ela chegou a realizar publicações em que defendia o uso das substâncias que tem a ineficácia comprovada.

"Se você tomou ivermectina, azitromicina ou hidroxicloroquina poste no Facebook, e se não precisou tomar e é a favor, poste que é a favor. Seremos a maioria. Vamos forçar as prefeituras a começarem a prevenção urgente. E fazer a distribuição gratuita", dizia uma das mensagens que ela publicou em seu perfil.

A mãe da cantora também foi infectada pelo vírus.