Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Que situação!

Stênio Garcia vive tormento desde a morte de Daniella Perez: "Teria evitado"

O ator Stênio Garcia revelou que vive um tormento desde a morte de Daniella Perez; saiba mais

Redação Contigo! Publicado em 12/07/2022, às 21h08

O ator Stênio Garcia revelou que vive um tormento desde a morte de Daniella Perez; saiba mais - Reprodução/Instagram
O ator Stênio Garcia revelou que vive um tormento desde a morte de Daniella Perez; saiba mais - Reprodução/Instagram

O ator Stênio Garcia confessou que vive atormentado desde a morte de Daniella Perez. O artista contou que se sente culpado por não ter conseguido evitar a tragédia em 1992.

Em um comentário no Instagram, o artista disse que, no mesmo dia em que a filha de Gloria Perez foi assassinada por Guilherme de Pádua, eles haviam se encontrado para gravar cenas da novela De Corpo e Alma (1992).

"Até hoje isso me atordoa muito porque fiz o pai dela na ficção duas vezes. No dia do crime, gravamos o dia todo e saímos juntos. Eu, que estava correndo para ir viajar, pedi que a Dani desse autógrafos para as crianças. Se eu pudesse imaginar, eu teria evitado", escreveu o ex-contratado da Globo.

Além de trabalharem juntos em De Corpo e Alma, os atores contracenaram em O Dono do Mundo (1991).

Stênio Garcia vive tormento

MORTE DE DANIELLA PEREZ

A atriz DaniellaPerez foi assassinada aos 22 anos com 18 golpes de punhal dados por Guilherme de Pádua e sua então mulher, Paula Nogueira Thomaz. O assassino atuava com a atriz na novela De Corpo e Alma (1992), o primeiro folhetim que Gloria Perez assinou como autora.

Na época, Pádua não aceitou ter sua quantidade de cenas reduzida e pressionou Daniella para que a Gloria mudasse a situação do seu personagem. No entanto, no dia 28 de dezembro de 1992, a atriz voltava para casa após as gravações da trama quando seu carro foi fechado pelo de Pádua.

Tempo depois, alguns moradores de um condomínio na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, notaram algo estranho e acionaram a polícia para verificar a presença de carros num matagal. Os assassinos foram presos pelo crime, mas o julgamento só aconteceu de fato em 1997.

O ator e a mulher foram condenados por homicídio qualificado, com motivo torpe. A pena dele foi de 19 anos em regime fechado. Mas só cumpriu um terço desse período. Saiu da cadeia por bom comportamento em outubro de 1999.

EITA!

A divulgação do primeiro trailer de Pacto Brutal: o Assassinato de Daniella Perez, série documental do HBO Max, deixou o público perplexo nas redes sociais.

É que a produção dirigida por Tatiana Issa e Guto Barra reconta em detalhes o assassinato da atriz que chocou o Brasil no início dos anos 90. A estreia acontece no próximo dia 21 de julho.

Não perca nenhuma notícia sobre as celebridades: siga a CONTIGO! no Instagram!