Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / Emoção

Sertanejo Maurílio reage à voz da esposa e emociona fãs: "Ele chorou"

Internado na UTI, Maurílio provou que consegue ouvir a esposa; veja

Redação CONTIGO! Publicado em 19/12/2021, às 14h10

Sertanejo Maurílio reage à voz da esposa e emociona fãs - Reprodução/Instagram
Sertanejo Maurílio reage à voz da esposa e emociona fãs - Reprodução/Instagram

A esposa do sertanejo Maurílio relatou, muito emocionada, a reação dele quando ela foi visitá-lo no hospital.

Neste domingo (19), Luana Ramos usou as redes sociais para contar que o marido chegou a chorar com a presença dela na UTI em que está internado após três paradas cardíacas.

"Fui fazer a visita de hoje e comecei a conversar com ele, igual a gente faz todo dia. E aí ele começou a chorar! Chorou, o batimento cardíaco dele aumentou. Ele começou a ter espasmos musculares, começou a tossir, até me assustei um pouco", conta.

Ela explica que tudo isso é ótimo sinal: "O pessoal da UTI falou que isso era muito bom, que era sinal que ele estava me escutando". Luana escreveu: "A lágrima ficou acumulada no cantinho do olho e uma das enfermeiras me contou que lee hcorou a manhã inteira. Quando eu comecei a falar com ele, chorou de novo".

O cantor, dupla de Luiza, está internado desde a última quarta-feira (15), quando sofreu três paradas cardíacas durante a gravação de um DVD. Ao ser hospitalizado, foi diagnosticado um caso de tromboembolismo pulmonar, doença em que uma ou mais artérias pulmonares ficam bloqueadas por um coágulo sanguíneo.

MELHORANDO

O último boletim médico divulgado a respeito da saúde do sertanejo é animador.

"O senhor Maurílio Delmont Ribeiro segue internado na UTI da unidade, ainda em estado grave, seguindo em melhora do quadro clínico, apresentando sinais de atividade neurológica. Segue em hemodiálise, reagindo bem a terapia até o momento", diz a nota.

A melhora faz com que os médicos comecem a reduzir os medicamentos e possibilita que haja a alimentação através de sonda. "Apresenta evolução importante dos sinais vitais, tendo sido possível diminuir ainda mais as medicações para controle da pressão e dos parâmetros do respirador. Está prevista passagem de sonda nasoenteral (que vai do nariz até o intestino) e início de dieta apropriada por essa via. Prossegue com avaliação multidisciplinar, apresentando bons resultados ao tratamento instituído até agora".