Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / LUTO

Irmã de Rafael Miguel se emociona ao lembrar um ano da morte do ator: ''nos falamos em sonhos''

Camilla Miguel fez relato emocionado ao relembrar a perda traumática do irmão e dos pais, João e Miriam

Redação Contigo! Publicado em 09/06/2020, às 13h18 - Atualizado em 25/06/2020, às 23h14

Irmã de Rafael Miguel se emociona ao lembrar um ano da morte do ator - Instagram
Irmã de Rafael Miguel se emociona ao lembrar um ano da morte do ator - Instagram

Irmã do ator Rafael Miguel, Camilla Miguel usou as redes sociais nesta terça-feira (9) para mandar uma mensagem emocionada no dia em que se completa um ano do assassinato do ator e de seus pais, João Alcisio e Miriam Selma.

Em vídeo publicado no Instagram, Camilla abriu o coração e chorou ao relembrar da família. Ela ainda disse que a perda traumática teria criado um 'bloqueio' e que, por isso, decidiu fazer o desabafo.

"Oi, mãe. Oi, pai. Oi, Rafa. Hoje faz um ano que a gente não está mais junto presencialmente. Pensei muito em escrever um texto, mas não é um dia para isso. Realmente não consigo estruturar e colocar para fora. Eu só queria conversar com vocês. Sinto falta e o que mais queria era isso. De alguma forma, tive um bloqueio esse ano para parar e conversar. Nos falamos um pouco em sonhos, mas muito pouco, talvez por um bloqueio meu, mas acho que a gente vence em etapas. Para quebrar esse bloqueio, resolvi fazer isso em vídeo porque, às vezes, sei que faço isso melhor", disse ela, que continuou:

"É engraçado que, quando eu acho que mais vou me sentir mal, é quando eu sinto a presença de vocês, a vida de vocês. A raiva, o ódio e a tristeza não tomam conta, mas obviamente não significa que a gente tenha superado. Eu só sinto vocês de uma forma muito bonita e gostosa, como se estivessem aqui. Queria falar com cada um de vocês e lembrar."

Famoso pela sua atuação em Chiquititas, Rafael Miguel faleceu aos 22 anos junto com seus pais, João e Miriam. Os três foram assinados em 9 de junho. O principal suspeito é o pai da então namorada do ator, Paulo Cupertino Matias, que está foragido da polícia.

Na última segunda-feira (8), amigos de Cupertino contaram detalhes da fuga. Em entrevista ao Balanço Geral, dois rapazes próximos ao suspeito revelaram que ele teria procurado ajuda após o crime.