Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / UAU!

Aos 40 anos, Paolla Oliveira posa só de top e exibe barriga trincada: “Perfeita”

Em clique cheio de sensualidade, Paolla Oliveira posa só de top e ostenta curvas poderosas; veja

Redação Contigo! Publicado em 22/06/2022, às 15h38

Paolla Oliveira posa de top e ostenta corpão - Instagram/Fe Pinheiro
Paolla Oliveira posa de top e ostenta corpão - Instagram/Fe Pinheiro

Que mulher! A atriz Paolla Oliveira colecionou elogios de amigos e fãs na tarde desta quarta-feira (22), ao surgir deslumbrante e esbanjando muita beleza e boa forma, em um novo clique cheio de sensualidade.

Dona de curvas poderosas, a bela posou de cabelos soltos, usando apenas um top de alcinha preto, e deixou os seguidores babando ao colocar o corpão trincado para jogo.

Em seu perfil das redes sociais, a namorada do cantor Diogo Nogueira posou usando apenas um top preto, deixando a barriga trincada à mostra, além de dar um belo close nos seios e evidenciar os braços definidos.

Caprichando no carão, a global surgiu segurando uma rosa em das mãos. Na legenda do clique, ela apenas marcou o fotografo responsável pela imagem. O profissional em questão é Fe Pinheiro.

Nos comentários, os seguidores não pouparam palavras e enalteceram a beleza da musa, deixando uma enxurrada de elogios, acompanhados ainda por símbolos de corações, aplausos, entre outros: “Perfeita”, “A mais bela”, “A mais linda do Brasil”, disseram alguns deles.

Veja:

DETONOU

Na última terça-feira (21), a atriz detonou a juíza Joana Ribeiro Zimmer depois de assistir à audiência onde a magistrada tenta impedir o aborto de uma criança de 11 anos, que foi abusada em Santa Catarina.

Em um longo texto, a atriz diz que a atitude da juíza é "nojenta" e afirmou que a menina vítima da violência estava sendo exposta a uma série de injustiças: "É muito difícil pra uma mulher ler tudo que está relacionado a esse caso. Imagine para uma menina, uma criança, estar vivendo isso. E quando eu falo em mulher, falo de ser humano, não de alguém como essa juíza que induz e coage uma criança a ter uma gravidez indesejada", lamentou.