Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Famosos / SINCERA!

Anitta defende a legalização da maconha e pede ajuda de Lula: "Será que apoia?"

Anitta defende a legalização da maconha e explica vantagens que trariam ao Brasil

Redação Contigo! Publicado em 13/07/2022, às 10h25

Anitta defende a legalização da maconha e pede ajuda de Lula: "Será que apoia?" - Reprodução/Instagram
Anitta defende a legalização da maconha e pede ajuda de Lula: "Será que apoia?" - Reprodução/Instagram

Na última terça-feira (12), a cantora Anittaabordou mais um assunto polêmico nas redes sociais ao sair em defesa da legalização da maconha no Brasil.

Durante uma transmissão ao vivo com o rapper Filipe Ret, a funkeira afirmou que é a favor da legalização e detalhou as vantagens que trariam ao país.

"Tinha que virar empresa que paga imposto, em vez de deixar esse povo todo rico aí, lavando dinheiro, sei lá como. Sou a favor de virar empresas legalizadas. Proibir as drogas não faz com que as pessoas parem de usar", disse ela.

E continuou: "Em vez de estarem aí colaborando para essa guerra que só mata o pobre, que não tem nada a ver com isso, só deixa rico esse povo que não paga imposto e que lava dinheiro com não sei o que. Tinha que virar empresa, gerar emprego, colocar aviso igual coloca no [maço de] cigarro. Quer se fod*r? Então se fod*".

Por fim, ela ainda pediu a ajuda do ex-presidente Lula em um possível projeto da descriminalização da planta. "Será que o Lula apoia isso? Apoia a legalização para nós. Estou te dando o maior apoio", completou.

Veja:

DESABAFO

A cantora Anitta já sabe para quem vai seu voto nas Eleições de 2022: Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Se mantendo atualizada sobre os últimos acontecimentos políticos, a diva internacional decidiu se pronunciar e definir quais números irá apertar na urna em outubro.

Anitta lamentou o caso do apoiador de Lula, Marcelo Aloizio Arruda, que foi assassinado a tiros por um apoiador de Jair Bolsonaro (PL). "Se não houvesse uma morte envolvida neste caso do apoiador de Lula que foi atacado por um bolsonarista eu diria que a burrice dessas pessoas chega a ser engraçada. Mas não. É apavorante", começou ela em seu Twitter nesta segunda-feira (11).