Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Exclusivas / TRISTEZA

Um ano sem Paulo Gustavo: o luto de Thales Bretas e a volta por cima ao lado dos amigos

Um ano sem Paulo Gustavo: médico que perdeu seu grande amor vive ano de batalha contra a dor

Gustavo Assumpção Publicado em 04/05/2022, às 04h27

Um ano sem Paulo Gustavo: o luto de Thales Bretas e a volta por cima ao lado dos amigos - Reprodução/Instagram
Um ano sem Paulo Gustavo: o luto de Thales Bretas e a volta por cima ao lado dos amigos - Reprodução/Instagram

Há exatamente um ano morria o ator Paulo Gustavo, perda que até hoje não cicatrizou no coração do público brasileiro. Nos últimos doze meses, fãs acompanharam a dor da família de perto e prestaram solidariedade sobretudo ao marido, o médico Thales Bretas.

A força e a resiliência do profissional chamaram a atenção do público desde o primeiro momento da perda. "Nossa caminhada tinha tudo pra ser longa! Linda como vinha sendo... tão feliz! E foi muito! Como fui feliz nesses últimos 7 anos que tive o privilégio de conviver com você! Como eu aprendi, cresci! Espero poder passar um pouco do seu legado de generosidade, afeto, alegria e amor. Você é um furacão", declarou ele em seu primeiro depoimento após ser confirmada a morte do humorista no dia 4 de maio de 2021.

Bretas passou então a compartilhar seu luto e a desabafar com os fãs, que eram tão apaixonados quanto ele pelo humorista e pela genialidade de suas criações. Nos momentos em que a saudade veio, ele não exitou em compartilhar seu sofrimento.

"Saudades do amor da minha vida! Cada foto ou vídeo que abro, sinto um misto de tristeza, angústia e gratidão por cada minuto que vivemos juntos! Nossos 7 anos foram muito lindos, intensos, cheios de amor e de planos! Como eu queria pelo menos mais uns 50 anos juntos... bodas de ouro! Mas a vida me deu esses 7 tão especiais!", disse o médico em outro momento comovente. 

Em julho de 2021, dois meses após a morte de seu grande amor, ele foi vacinado e não escondeu a frustração pelo atraso na chegada do imunizante. "Só mesmo uma felicidade incontrolável e a esperança de vacinar a todos que amo! Infelizmente não tive essa chance, mas fico feliz de saber que mais e mais gente está conseguindo!", declarou ele. 

Durante o último ano, o médico contou com o apoio dos amigos de Paulo Gustavo que o acolheram neste momento de dor. Em dezembro, ele viajou para Nova York onde relembrou a partida de PG.  "Hoje o mundo completa 7 meses sem sua presença física, mas você nunca estará ausente", declarou.

Também no final do ano, o dermatologista voltou a atender em sua clínica no Rio de Janeiro. Ao retomar a atividade profissional, ele justificou sua decisão. "Estamos de volta às atividades da clínica!
(Estava sem paciente nesse momento, aproveitei pra registrar fazendo uma receita pra deixar na portaria)"
, declarou mostrando bom humor. 

Em abril, uma nova emoção: ele foi convidado para desfilar na São Clemente, escola que homenageou o humorista no Carnaval fora de época do Rio. "Um casamento que marcou pra sempre a minha vida, e a história da aceitação no Brasil com uma arte delicada, bem humorada, inteligente, que desarmou as mentes mais fechadas e entrou pra casa e pro coração de muitos milhões de brasileiros! Obrigado por retratar isso com tanto carinho e cuidado", disse ele muito emocionado.

Veja momentos de Thales Bretas no primeiro ano sem Paulo Gustavo