Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Últimas / Emoção!

Simone não segura as lágrimas ao relembrar doença de Simaria: ''A gente não sabia o que ia acontecer"

Nos bastidores do 'Domingão', ela usou as redes sociais e soltou a emoção

Redação Contigo! Publicado em 01/04/2019, às 12h38 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Simone não segura as lágrimas ao relembrar doença de Simaria - Reprodução / Instagram
Simone não segura as lágrimas ao relembrar doença de Simaria - Reprodução / Instagram

Após as várias lagrimas durante o Arquivo Confidencial, do Domingão do Faustão, Simone e Simaria continuaram a emocionar-se nos bastidores do programa ao compartilharem um pouco do drama vivido durante a doença da caçula. 

Simaria chegou a se afastar dos palcos por mais de um ano por conta de uma tuberculose. Nos Stories, Simone caiu no choro ao relembrar a época.

"Precisamos saber que Deus é Deus. Lá no início da doença da Simaria, a gente não sabia o que ia acontecer, sabe? Se volta, se não volta. Porque quem estava perto, sabia qual era a situação que ela estava vivendo. Então era muito indeciso. Mas tinha algo dentro do meu coração que dizia: 'Vai dar certo'. E esse algo era Deus. 'Filha, eu sou contigo e vou cuidar dela'. E cuidou e hoje estamos aqui! Deus é bom. E ela está aqui, ó! Linda, saudável, maravilhosa". 

SUSTO!

No começo de setembro de 2018, as irmãs começaram a viver este drama. O susto teve início após o afastamento de Simaria, que durante uma apresentação em Santa Catarina sentiu um mal estar  encerrou sua participação.

Na sequência, a cantorasurpreendeu os fãs ao publicar um desabafo nas redes sociais detalhando o seu estado de saúde. Ela tambémjustificou a pausa na carreira.

Em entrevista exclusiva para CONTIGO!a cantora falou recentemente sobre o período que ficou afastada.

“Foi um tempo de aprendizado em todos os sentidos, que a carreira não é mais importante do que a minha vida e a minha família. Um tempo de evolução espiritual e mental. Ainda não estou curada. Por orientação médica, são seis meses de tratamento. Posso fazer uma coisa ou outra, mas devagar. Tenho que ter mais regras, com a alimentação e com o meu descanso”, disse ela.