Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Últimas / Amor de mãe

Sheron Menezzes viaja sem o filho e desabafa: “Ele vai me reconhecer quando eu voltar?”

Em desabafo, atriz abriu o coração ao falar sobre a ausência do filho - e as dúvidas da maternidade

Redação Contigo! Publicado em 30/05/2019, às 14h23 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

Sheron Menezzes - Reprodução/Instagram
Sheron Menezzes - Reprodução/Instagram

Sheron Menezzes está com o coração partido por deixar o pequeno Benjamin, seu único filho, sem sua companhia por conta de uma viagem. A atriz, que irá voltar para as telinhas na próxima novela das sete,Bom Sucesso, contou que passará seis dias longe do filho e fez um longo desabafo sobre a distância.

“Eu já escrevi várias vezes sobre voltar ao trabalho. Sobre não voltar pra casa e deixar seu mini ser sem um cheiro de mãe no cangote... Sim, já falei, mas desta vez tem uma diferença: Estou indo sabendo que ficarei fora durante seis dias. Não um, nem dois... mas seis dias. Eu tomei essa decisão. Resolvi cortar abruptamente o cordão que já estava esgarçado dos esticões que dou me preparando para, metaforicamente, rompê-lo. Tipo tratamento de choque de mãe, que corta o cordão e depois dá um nó... e depois desfaz esse nó... e depois o amarra de novo num laço. Pensei muito antes de aceitar essa viagem e resolvi pelo sim. Como eu estou? Neste instante, na merda!”.

“As dúvidas... Ahhhh as dúvidas! Será que ele vai sentir minha falta? Espero que não e espero que sim. Será que ele vai ficar bem sem mim? Espero que sim, mas lá no fundinho tem um "espero que nem tanto". Ele vai me reconhecer quando eu voltar? (Só eu já pensei esse ultimo pensamento?) Será que ele vai desmamar? Ai... não sei se estou preparada... Ele Vai ficar bem com toda a equipe e estratégia de guerra  montei? Claro que vai! Sim meu povo”.

A atriz continuou falando que, apesar de estar tentando cortar o laço de apego, deixou as coisas todas preparadas para os seis dias que ficará longe do herdeiro.

“Eu vou, mas me conheço e deixei um pouco do meu controle na comida que já esta pronta e organizada por refeição na geladeira. Nos lookinhos que estão separados por dia e "evento". Na mala pronta caso o papai decida passar uns dias com neném na casa da vó... No uniforme da escolinha limpo e separado também. Nos brinquedos, toalhas e em tudo que o pai poderia fazer sem mim, mas que não terá oportunidade porque deixei um pedaço da minha culpa na lista de orientações que escrevi e colei na geladeira. É, decidi ir, mas me fiz ficar, de alguma forma não me vou por inteira... e como será? Não consigo imaginar, só sei que preciso e necessito ir, mas que quero logo voltar. Vai ser bom pra mim? Vai. Vai ser bom pra nós? Tenho certeza... Mas como eu vou ficar? Faço nem ideia. Deixei meu amor de mãe em cada detalhe”, finalizou.