Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Últimas / Rainha do Bumbum

Rita Cadilac diz que rixa com Gretchen começou após boatos de traição: ''A bucha veio pra mim''

Ela revelou detalhes de sua passagem pelo Chacrinha, A Fazenda e desentendimento com Porchat

Redação Contigo! Publicado em 17/10/2018, às 14h34 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Gretchen e Rita Cadillac - Reprodução/Instagram
Gretchen e Rita Cadillac - Reprodução/Instagram

Rita Cadillac participou de um vídeo no canal de Rafael Cortez no YouTube e esclareceu polêmicas que envolvem seu nome.

No momento mais inusitado, Cadillac esclareceu os boatos de rivalidade com Gretchen.

“Eu não tenho treta nenhuma com a Gretchen. O que teve de fofocas na época do Chacrinha, que eu não sabia se era verdade ou mentira, até que cheguei nela e disse: ‘Não sou eu, não fui eu que dei para seu marido’ e pronto”. Ela ainda nomeou a responsável por sair com o marido de Gretchen. “Disseram que eu tinha saído e não fui eu. (...) A bucha veio pra mim”

Abelardo Barbosa, o Chacrinha, foi quem projetou Rita para o sucesso e ela relembrou uma das brincadeiras feitas pelo comunicador. “Ele tinha mania de levar a gente pra comer e depois se mandava e deixava a conta pra gente. Era sacanagem dele, ele sabia que a gente não ia cobrar depois”

Cadillac participou de duas edições de A Fazenda e foi questionada sobre quem conduziu melhor o reality, Roberto Justus ou Brito Jr. “Eu gostava muito do Brito, mas como ele foi mal comigo, eu prefiro o Justus. Apesar do Justus ser uma pessoa muito fria”. E sua edição favorita de A Fazenda? “A mais legal de todas as Fazenda, não pra mim, é claro, foi a que eu fiz com Andressa Urach, Denise Furação da CPI”

“O problema com Porchat foi uma palavra que não caiu muito bem”, disse ela sobre a brincadeira proposta no Programa do Porchat. Chamada de Sarjeta da Fama, Rita não gostou do nome e disse que esse tipo de coisa deve ser avisada com antecedência. “De repente dizer que vamos inaugurar a Sarjeta da Fama, a palavra é muito pesada. Se fosse a Calçada da Bunda eu ia rir e brincar de boa”.