Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!

Rayanne Morais se manifesta sobre agressão de Douglas Sampaio

Atriz demonstra seu apoio para Jeniffer Oliveira: 'Sofreu uma agressão pela mesma pessoa, mas [torço] que o ocorrido com a gente sirva de alerta'

Redação Contigo! Publicado em 26/06/2018, às 16h05 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Rayanne Morais - Reprodução / Instagram
Rayanne Morais - Reprodução / Instagram

A atriz Rayanne Morais decidiu abrir o seu coração ao ler as notícias sobre a agressão sofrida pela atriz Jeniffer Oliveira pelo ator Douglas Sampaio. Na tarde desta terça-feira (26), ela quebrou o silêncio e relembrou que já sofreu nas mãos do rapaz quando os dois namoraram em 2016.

“Eu também fui vítima de agressão. [...] Ganhei a medida protetiva e tenho a lei, a justiça, ao meu favor, me protegendo. Não foi fácil, ficar em uma posição de ser julgada por muitos que não faziam ideia do que tinha acontecido e não sabem a gravidade de uma agressão, até que ponto pode chegar... Muitas vezes até em morte, mas consegui”, disse ela.

Rayanne ainda demonstrou o seu apoio a Jeniffer. “Infelizmente hoje a Jeniffer trouxe a verdade a tona também. Sofreu uma agressão pela mesma pessoa, mas [torço] que o ocorrido com a gente sirva de alerta, força e coragem para mulher que sofrem de agressão e ameças. Não se intimidem por medo ou vergonha, denunciem e se protejam!”.

O TÉRMINO DE RAYANNE E DOUGLAS

Os dois viraram notícia na imprensa em novembro de 2016, quando ela prestou queixa por agressão e se submeteu ao exame de corpo de delito. Na época, segundo informações da 32ª Delegacia de Polícia enviadas à imprensa, a atriz teria sido atendia com base na Lei Maria da Penha. 

Rayanne Morais Douglas Sampaio, que eram noivos, engataram um romance em A Fazenda 8. Eles terminaram o romance dias depois da confusão.

Na época, o ator se pronunciou por meio de um comunicado enviado à imprensa. "O ator foi lamentavelmente vítima de acusações infundadas feitas por sua ex-noiva, onde afirmou ter sido agredida pelo ator, o que de fato jamais aconteceu. Ele foi surpreendido quando policiais chegaram em sua residência para conduzi-lo à delegacia. Após a oitiva de todos os envolvidos na ocorrência, a autoridade policial verificou que não haviam evidências das supostas agressões, razão pela qual o ator foi liberado, sendo aberto o inquérito policial para a averiguação da existência ou não do delito de 'vias de fato'. Quanto aos gestos dirigidos aos jornalistas o ator pede desculpas, pois agiu de forma indevida no calor da emoção. Ele lamenta o ocorrido e espera que sua ex-noiva tenha a dignidade de apresentar uma retratação pública em relação às suas afirmações que divergem, e muito, da verdade dos fatos", disse na época.

Em 2017, ela evitou falar sobre o tema ao ser questionado pelo programa TV Fama, da Rede TV. “Eu acho que passado é passado. Quem vive de passado é museu. Eu acho que é o que eu falei: tudo é experiência. A gente aprende com a vida e que bom que a gente aprende com a vida porque a gente está vivendo. E isso é um privilégio. Cada dia é uma nova oportunidade de vida. Isso é um privilégio. Eu amo viver”, afirmou ela na época.

SEGUNDO CASO

Nesta segunda-feira, 25, a atriz Jennifer Oliveirafez uma denúncia nas redes sociais. Ela contou que foi agredida pelo ex-namorado, o ator Douglas Sampaio.

Em uma série de imagens, ela relata todo o ocorrido e exibe as marcas da violência. "Comecei a namorar há um mês atrás. Tudo foi muito legal no começo, eu me senti acolhida, me senti amada e, em pouco tempo, comecei a morar com ele praticamente. Ficava direto na casa dele ou ele na minha. Saíamos muito. Conheci todos os seus amigos e eu não tinha do que reclamar. Em seguida começamos a passar por coisas não tão legais assim. Começamos a discutir, a ter problemas com mentiras e eu comecei a descobrir quem realmente era a pessoa que estava ao meu lado", disse ela.

Em suas redes sociais, o ator se pronunciou e negou as agressões. "Vou correr atrás dos meus direitos. Eu sei minha índole, o que eu faço, sei ser correto. Vocês estarem acusando uma pessoa que não fez nada é fo**", escreveu.