Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Últimas / Música

Mariana Furquim apresenta Princesa de Aiocá

A cantora traz álbum que reverencia, em 11 faixas, a divindade feminina Iemanjá

Redação Contigo! Publicado em 13/11/2018, às 18h17 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Mariana Furquim apresenta Princesa de Aiocá - Antonio Brasiliano
Mariana Furquim apresenta Princesa de Aiocá - Antonio Brasiliano

Mariana Furquim acaba de lançar seu primeiro disco solo, o Princesa de Aiocá. O título, em alusão a um dos nomes que Iemanjá, recebe em solo baiano, entrega ao que veio: com 11 faixas produzidas por Dante Ozzetti, o trabalho celebra a rainha das águas e padroeira dos pescadores. “Esse projeto é uma extensão daquilo que venho pesquisando desde 2014, quando divulguei o meu primeiro EP. Enxergo a música como conexão espiritual e fonte de energização. Por isso, cantar essa deusa, que reverencio em tudo que faço, tem sido um processo de muita imersão na potência feminina, no sagrado, nas sensações, histórias, mitos, mistérios e lendas desse universo tão forte e acolhedor. Iemanjá é mulher, é mãe e tem um poder de transformação que todas nós também temos. Precisamos despertar pra isso e quis que o meu álbum, de alguma maneira, fosse embalado por essa mensagem”, explica a cantora. Seguindo essas inspirações, o repertório, essencialmente pautado nos ritmos afro-brasileiros, tem arranjos contemporâneos e olhar moderno ao incorporar uma série de elementos eletrônicos ao projeto. “Esse álbum foi planejado, batalhado, visceral. Estou inteira nele. Todas as canções foram delicadamente escolhidas, refletindo a minha verdade. Tem muito significado para mim, não apenas musical, mas existencial. Uma obra de vida que apresenta minha essência. É o grande fruto da busca pelo caminho que escolhi seguir na minha vida: cantar, cada vez mais. Sob as bençãos de Iemanjá”, finaliza ela! Confira o disco: