Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Últimas / Superação

Renata Capucci fala sobre a perda de três filhos: ''Mundo desaba''

Jornalista emocionou Ana Maria Braga ao falar da tristeza de perder um filho

Redação Contigo! Publicado em 18/10/2018, às 14h09 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Renata Capucci - Reprodução/Globoplay
Renata Capucci - Reprodução/Globoplay

Na manhã de quinta-feira (18), Renata Capucci participou do Mais Você. Em conversa com Ana Maria Braga, a jornalista relembrou os abortos espontâneos que sofreu.  Atualmente ela participa do Popstar e recebeu homenagem pelo trabalho que desempenhou em sua carreira. Renata é casada com o médico Ivo Sternick e são pais de Lily e Diana

“Perdi três filhos. Eu nunca tive problemas para engravidar, eu engravidava fácil. O meu problema acontecia durante a gestação. Logo que a gente casou, a gente engravidou do Bernardo e eu perdi ele com 33 semanas”.

Emocionada, Capucci contou detalhes sobre a situação. “De um dia para o outro ele parou dentro da barriga”. Ao perceber a situação, ela disse ao marido que o bebê estava imóvel. “Eu achei estranho, falei pro Ivo: ‘Ele não está mexendo’. Ele falou: ‘Vai tomar café, ele está dormindo’. Aí não mexeu, fui na minha médica, ela não conseguiu auscultar, aí fui na ultrassonografista, quando botou a imagem eu vi o coração parado”.

“Eu falei: ‘Meu filho está morto’. Neste momento, seu mundo desaba, era meu primeiro filho, esperado, querido, tudo programado, uma gravidez perfeita, pré-natal, tudo certo”. “Aí você se vê diante deste momento devastador de ter que enterrar um bebê que você já estava preparada, já com o quarto pronto, roupinhas, tudo”.

Ela continuou relatando a sensação de perder um filho e a força que ela adquiriu. “Vivi um luto, mas você se levanta porque o sonho era mais forte que a tristeza. Muitos casais nesta hora se separam, se distanciam e, se você está vivendo isso, se una ainda mais, porque só o amor pode fazer com que você realize o sonho de ser mãe, seja engravidando ou adotando uma criança”.

Após o primeiro aborto, Renata e Ivo não desistiram e continuaram com o sonho de ter um filho. “Aí a gente conseguiu, engravidamos da Lily e ela nasceu”

Mesmo com uma gravidez saudável, a jornalista perdeu mais duas gestações. “Depois da Lily perdi outros dois e não descobri o que tinha acontecido com o Bernardo, fizemos autopsia”

Os acontecidos fortaleceram o casal e eles compreenderam as circunstâncias da vida. “A gente controla o que nessa vida? Era pra ser, ou não era pra ser. Era pra ser mãe da Lily e da Diana. Se eu soubesse, lá atrás, que eu ia passar por tudo isso para ser mãe delas, eu passaria”.