Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!

Leo Bahia desabafa sobre padrões estéticos e insegurança: “Tem dias que é mais difícil”

Ator de ‘O Tempo Não Para’ compartilhou detalhes sobre sua relação com seu corpo

Redação Contigo! Publicado em 28/11/2018, às 11h10 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Leo Bahia - Reprodução/Instagram
Leo Bahia - Reprodução/Instagram

Sucesso em O Tempo Não Para, Leo Bahia aproveitou a visibilidade que recebeu através da novela e desabafou sobre os padrões estéticos impostos pela sociedade e suas inseguranças. Na trama, o ator interpreta Igor, a Poc, assistente de Zelda Larocque, interpretada por Adriane Galisteu

Com uma foto mostrando uma camisa apertada, Igor falou sobre os momentos que não se sente bem com seu corpo. 

“Essa é a parte da minha vida que eu não mostro pra ninguém. Vocês sempre me veem de alto astral, feliz, animado e eu geralmente sou assim mesmo. Mas vendo cada vez mais gordinhos aparecendo no meu Instagram, eu queria compartilhar com vocês uma das coisas que mais me deixa triste ultimamente para casa alguém mais se sinta assim também saber que não está sozinho”. 

“80% do meu dia a dia é uma delícia, eu nem me toco que eu sou gordo, porque afinal, eu sou uma pessoa e não uma característica. Em 80% dos dias, eu me sinto bem com meu corpo. Eu, hoje em dia, depois de muito trabalhar dentro de mim, consigo às vezes me olhar num espelho e estar ok com o que vejo do outro lado”, continuou.

Grande parte dessa insegurança é causada pela sociedade, especialmente por padrões estabelecidos que excluem parcela da população. Mas só entrar em contato com outros seres humanos, que esse sentimento vai embora completamente e aparecem aqueles 20%, que são os momentos em que eu percebo que a sociedade, as lojas, as revistas, alguns amigos, pessoas da minha família me lembram incessantemente de que meu corpo não se encaixa nas regras de existência que eles criaram e querem que eu me encaixe”

“Tem dias que é mais difícil e tem dias que é um pouco menos. Mas é isso, estar fora do padrão que as pessoas resolveram que é o correto, é um desafio diário de amor próprio e de se questionar se as vozes que você está ouvindo na sua cabeça vem de dentro e são um incomodo genuíno ou se vem de fora. E saber que mesmo que você resolva emagrecer 20.000kg você pode continuar infeliz e que pesando uma tonelada, você pode ser a pessoa mais feliz do mundo”, finalizou.

Com o post inspirador, Leo recebeu somente reações positivas e desabafos de outros que também sofrem com os padrões de beleza impostos. Letícia Colin e Kelzy Ecard, a Nice em Segundo Sol, comentou concordando com as palavras de Leo