Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Últimas / LGBT

Leo Aquilla relembra relacionamento com mulher: ‘‘Me fazia mal’’

Apresentadora revelou que pressão da religião foi o motivo da relação

Redação Contigo! Publicado em 25/07/2019, às 10h00 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

Leo Aquilla - Reprodução/RedeTV
Leo Aquilla - Reprodução/RedeTV

O tema do Superpop desta quarta-feira (24) foi homossexualidade e religião. 

Convidada de LucianaGimenez, LeoAquilla revelou que a religião foi a causa de seu envolvimento com uma mulher. Na época, o envolvimento da apresentadora gerou um filho, Vítor, hoje com 23 anos. 

“O filho é bom, mas a relação foi uma catástrofe. Eu odeio transar com mulher, não sou ‘lésbicha’ de jeito nenhum. Aquilo me fazia mal, fazia com ela pensando no irmão dela". 

Leo, que é transexual, falou também sobre os casos de pessoas que se dizem “ex-gays". “Já vi muita gente que, por pressão da religião, negar aquilo que é na essência. Já fui evangélica, tenho um filho por causa dessa fase que passei na igreja. Fiquei seis anos na igreja de joelho, pedindo, implorando, até que fiz um filho para provar para a igreja que estava liberada. Por que Deus não me curou? Que Deus é esse?". 

“Teve um dia que falei: ‘Deus, prometo ser a pessoa mais maravilhosa do mundo, se quiser no dia do juízo final me mandar para o inferno por ser travesti, me manda’", acrescentou Leo