Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!

Reynaldo Gianecchini revela que santo não bateu com Carol Dieckmann: “Não rolou empatia dela”

Em conversa com Tatá Werneck, ator fez revelação surpreendente sobre ex-colega

Redação Contigo! Publicado em 10/12/2018, às 13h43 - Atualizado em 12/03/2020, às 15h18

Reynaldo - Reprodução/Instagram
Reynaldo - Reprodução/Instagram

Reynaldo Gianecchini abriu o jogo sobre sua estreia na televisão, em 2000, na novela Laços de Família, de Manoel Carlos, com que viveu par romântico com Carolina Dieckmann e Vera Fischer.

Ao Lady Night, comando por Tatá Werneck, o ator revelou que Marieta Severo e Fischer foram generosas com ele em sua estreia, mas que o mesmo não aconteceu com Dieckmann.

Tive dificuldade um pouco com a Carolina [Dieckmann], rolou um tempo para gente se harmonizar, isso eu falo até pra ela. No começo não rolou uma empatia dela para mim. Acho que ela não curtiu muito. Depois reverteu tudo, eu amo a Carol, mas é engraçado isso, da não empatia”, disse ele.

O galã também falou de sua ex-mulher, Marília Gabriela, a quem elogiou e agradeceu a oportunidade de ter conhecido o lado divertido, e relembrou Ana Paulo Arósio, com quem contracenou na novela Esperança (2002).

“Adoro a Ana Paulo Arósio, sinto falta dela voltar. Espero que você volte”, disse o bonitão mandando um recado para atriz após relembrar que teve quatro dentes quebrados por ela durante a gravação de uma cena.

Como de costume, rolou ainda o famoso beijo que Tatá costuma arrancar de seus convidados durante o programa.

Veja: