Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!

Carla Vilhena rebate críticas feitas no Fofocalizando e detona opiniões apresentadores

Após reclamar de baile funk, jornalista detona opiniões de Leo Dias e Lívia Andrade sobre a polêmica

Redação Contigo! Publicado em 25/06/2019, às 19h12 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

Carla Vilhena - Reprodução / Instagram
Carla Vilhena - Reprodução / Instagram

A jornalista Carla Vilhena resolveu rebater publicamente a reportagem exibida no programa Fofocalizando, do SBT, sobre ela ter reclamado de um baile funk perto de sua casa.

A comunicadora não gostou da opinião dos apresentadores da atração e usou as redes sociais para detonar a abordagem que eles deram para o tema, inclusive citando Lívia Andrade e Leo Dias.

"Amigos, programas da TV esta tarde me atribuíram palavras que eu não disse, para me colocar em contraponto ao pessoal do funk. Quem tiver a paciência de ler meus tweets, vai ver que em hora nenhuma eu julgo gênero musical. Digo apenas que acho o pornô uma porcaria", disse ela, que decidiu explicar em tópicos os assuntos da reportagem. 

"Apresentadores do programa Fofocalizando entrevistaram um funkeiro e falaram da minha atitude, me colocando contra toda uma população de frequentadores, sem me procurar e faltando com a verdade"

Então, Carla falou sobre o colunista. "Leo Dias, não preciso de mídia. Meu trabalho é com empresas, não com o público".

Logo depois, ela citou a apresentadora do programa. "Lívia Andrade, não sou contra nenhum pai de família que viva do gênero funk. Sou a favor do direito que eu e todos os trabalhadores que acordam cedo na segunda-feira têm de dormir e não ouvir a pornografia explícita (perdoem a redundância) das letras. O outro apresentador, eu nem cito o nome porque não merece o palanque. Lívia eu acho divertida e por isso a incluí. Sei que muitos pensam como eu e agradeço o apoio. Outros têm interesses escusos e querem as coisas como estão, conforme eu já citei nos meus tweets anteriores"

Para finalizar, a jornalista falou sobre a polêmica na qual se envolveu. "Sou conhecida por minha capacidade de manter o diálogo até os limites do possível. Pretendo continuar assim. Por isso, embora saiba q posso até “decepcionar” alguns, ñ sou a favor de nenhum tipo de violência, nem aquela “supostamente” para restabelecer a ordem e cumprir a lei"