Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
TV / Errou

Sabina Simonato revive meme de Carlos Tramontina com gafe: "Sete e quadro"

Uma nova versão do meme "seis e ônibus"? Sabina Simonato se confunde no 'Bom Dia SP' e revive meme do ex-colega: confira

Leandro Fernandes

por Leandro Fernandes

lfernandes_colab@caras.com.br

Publicado em 09/06/2023, às 09h54

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Sabina Simonato revive meme de Carlos Tramontina com gafe - Reprodução/TV Globo
Sabina Simonato revive meme de Carlos Tramontina com gafe - Reprodução/TV Globo

A jornalista Sabina Simonato cometeu uma gafe com jeitinho de nostalgia nesta sexta-feira (09). Substituindo Rodrigo Bocardi no comando do Bom Dia SP, a apresentadora acabou se confundindo e reviveu um meme protagonizado por Carlos Tramontina.

É que, ao chamar uma reportagem, ela foi falar o horário e acabou misturando tudo. "Sete e quadro", disse, percebendo o erro em seguida. "Sete e quadro não, sete e quatro! O quadro verde de hoje está no clima do Dia dos Namorados".

O momento lembra muito o inesquecível erro de Tramontina, que soltou um "seis e ônibus", também apresentando um dos noticiários da Globo. Nas redes sociais, a gafe não passou em branco: "Depois do seis e ônibus, sete e quadro. Haha, sexta-feira, tá desculpada. Sextou", brincou um usuário do Twitter.

Outro também comparou: "Outro dia era seis e ônibus, agora é sete e quadro". A gafe do ex-global até hoje circula nas redes sociais, transformada em meme e eternizada.

REPÓRTER SE EMOCIONA EM ENTRADA AO VIVO NO 'BOM DIA SP'

Na manhã desta sexta-feira (09), o repórter Filipe Gonçalves precisou segurar as lágrimas durante o Bom Dia SPapós ser surpreendido com um pedido de ajuda de uma família em situação de rua. De voz embargada, o jornalista quase chorou ao relatar o acontecido.

Antes de entrar no link, o funcionário da Globo foi abordado por uma mãe, uma avó e uma criança que haviam deixado um albergue devido às más condições do local. Visivelmente emocionado com a situação, o profissional precisou de um tempo para se recuperar.

"Vou até respirar aqui. Minutos antes, veio uma mãe, aparentemente a mãe dela, [ou seja,] uma avó e uma criança, viram a luz da nossa câmera e vieram pedir ajuda", começou ele, com a voz trêmula.

E continuou: "Elas vieram para pedir ajuda. Disse: 'Olha, sempre que vocês estão aqui, muitas vezes acontece alguma coisa de alguma ajuda para a gente'. Elas disseram que estavam em um albergue e tiveram que sair por más condições".