Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
TV / INDIGNADA!

Luíza Brunet revela ter recusado consulta com João de Deus e se emociona: "Graça a Deus não fui"

A atriz explicou o motivo para ter sido convidada para uma consulta e se emocionou com relatos das vítimas

Redação Contigo! Publicado em 24/06/2020, às 13h12 - Atualizado em 06/07/2020, às 19h37

A atriz explicou o motivo para ter sido convidada para uma consulta e se emocionou com relatos das vítimas - Reprodução/Instagram
A atriz explicou o motivo para ter sido convidada para uma consulta e se emocionou com relatos das vítimas - Reprodução/Instagram

Na madrugada desta quarta-feira (24) a atriz Luíza Brunet deu uma entrevista para o programa Conversa com Bial e revelou ter sido convidada para uma consulta com João de Deus, acusado de abuso sexual durante suas consultas.

Luíza Brunet explicou o motivo de ter sido convidada para uma consulta:

"Eu tenho vitiligo, que é uma doença de pele que começou quando eu era menina. Inclusive, acho que essa doença apareceu por conta das violências a que assisti, porque a minha imunidade é baixa e tudo isso reflete em algum lugar no corpo", contou ela, e continuou: "Então, alguém me sugeriu de ir lá [se tratar com João de Deus] e acabei não indo."

"Eu nunca tive interesse em ir lá, apesar de ter sido convidada algumas vezes. Hoje em dia eu falo 'Graças a Deus' por não ter ido", explicou Luza.

A atriz ainda relembrou de uma pessoa bem próxima que foi vítima de João de Deus:

"Logo depois que apareceram as denúncias, uma amiga minha foi procurá-lo justamente para buscar conforto e ele também a machucou."

Luíza se emocionou bastante com alguns depoimentos das vítimas de João de Deus, exibido em uma cena da minissérie documental Em Nome de Deus, da Globoplay:  "Realmente esse cara foi longe demais", exclamou indignada.