Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
TV / DESABAFO

Em desabafo, esposa de Stênio Garcia conta que cúpula da Globo considerou o ator "desnecessário"

Marilene Saade disse que tem recebido informações sobre sua demissão

Redação Contigo! Publicado em 30/07/2020, às 12h57 - Atualizado às 13h01

Esposa de Stênio Garcia disse que cúpula da Globo não considerava sue marido necessário - Reprodução/ Instagram
Esposa de Stênio Garcia disse que cúpula da Globo não considerava sue marido necessário - Reprodução/ Instagram

Marilene Saade, mulher do ator Stênio Garcia, voltou a desabafar nas redes sociais e fazer novas revelações sobre a saída do marido da TV Globo após 47 anos.

Ela prestou uma homenagem à carreira do ator em uma publicação nas redes sociais e disse que recebeu informações sobre a visão que a cúpula e o setor de Recursos Humanos da emissora tinha a respeito do ator.

"Ando lendo muitas coisas que recebo onde a cúpula da TV Globo e o RH não consideravam o Stênio um ator necessário", denunciou ela. A esposa também voltou a acusar um complô para prejudicar o ator nos bastidores da emissora.

"Vale lembrar que essa visão aconteceu após a saída de Manoel Martins e a entrada do atual chefe da dramaturgia que infelizmente odeia meu marido desde 1968 e em 1998 enquanto autor se retirou de sua novela quando Carlos Manga escalou Stênio em discordância do autor, a novela ficou duas ou três semanas com os assistentes escrevendo e eu não revelei nada disso porque saiu em todas as rádios na época. Muito triste ver o mal vencer o bem, muito triste o mal vencer o talento e um trabalho de excelência", declarou.

Ela então prestou uma homenagem aos principais trabalhos do ator e se posicionou contra a visão da TV Globo.

"Escolhi personagens onde Stenio não apenas atuou lindamente e sim os personagens que viraram febre nacional e internacional já que em Nova York todos o chamam de Tio Ali e no Brasil o chamam de Zé do Araguaia, Mestre Antônio, Corcoran. Mas são personagens imortais e poucos atores estouram dessa forma e tantas vezes numa só emissora onde os personagens jamais são esquecidos. Como esse ator não é fundamental junto a outros que não tiveram nenhum estouro como Tio Ali ou Bino por exemplo? Muito estranho essa análise da tal cúpula da Globo e deixo aqui a minha reflexão", disse ela. 

Aos 88 anos, o ator foi dispensado em junho após quase cinco décadas na emissora.

Veja: