Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!

BBB18: Ana Paula precisou de atendimento médico após rejeição recorde

Fora da casa, a bruxinha fala sobre sua participação polêmica no reality e revela quais são seus próximos passos

Redação Contigo! Publicado em 16/02/2018, às 12h34 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h45

Ana Paula - Globo/Paulo Belote
Ana Paula - Globo/Paulo Belote

Na noite da última terça-feira (13), Ana Paula foi a terceira eliminada do Big Brother Brasil e deixou a casa com 89,85% dos votos, recorde de rejeição em um Paredão Triplo. Ao se encontrar com Tiago Leifert do lado de fora da casa, a ex-participante entrou em estado de choque e mal conseguia conversar com o apresentador e seus familiares. 

Com batimentos que chegaram a 200 por minuto, a bruxinha da edição foi levada para os bastidores e a produção teve até que chamar uma ambulância! Após a chegada dos médicos, o estado de saúde da ex-sister foi estabilizado e ela foi liberada para ir descansar no hotel.

+  Após saída, Ana Paula desabafa: "Foi muito horrível!"

“Eu encarei minha participação no ‘BBB’ como um jogo de tabuleiro. Em alguns momentos, se avança cinco casas. Em outros, se regride, fica algumas rodadas sem jogar. É muito complexo estar lá dentro, é um jogo onde tudo tem algum significado e um reflexo. Fiquei exausta mentalmente, porque o tempo inteiro eu pensava em como as minhas atitudes estavam sendo analisadas”, avaliou a participante.  

Agora fora da casa, a estudante de jornalismo pensa nos próximos passos. “Fiz cursos e tenho o registro de atriz. Já fiz alguns trabalhos e cheguei a passar um tempo no Rio de Janeiro estudando. Mas chegou um momento em que eu não tinha mais dinheiro para continuar na cidade. Voltei para casa, arrumei um emprego fixo e tentei esquecer. Mas meu sonho de atuar sempre esteve vivo dentro de mim: eu queria visibilidade, ser reconhecida e poder mostrar o meu trabalho para as pessoas. Agora, o público sabe quem eu sou e vou usar isso para o lado bom. Acredito que terei oportunidade para mostrar o meu talento e a minha desenvoltura”. Seu desejo maior agora é ser acolhida pelo público. “Espero que o Brasil goste de mim, releve algumas coisas que falei, mas, principalmente, que me aceite do jeito que sou: falando besteiras, sem pudor e sem filtro. Sou muito natural”.