Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Novelas / Maldade

Êta Mundo Bom: Sandra resolve internar Anastácia em hospício

Após roubar toda a fortuna da tia, a vilã não desiste em tentar destruir sua vida; saiba mais

Redação Contigo! Publicado em 10/08/2020, às 15h16 - Atualizado às 15h17

Após roubar toda a fortuna da tia, a vilã não desiste em tentar destruir sua vida; saiba mais - Reprodução/TV Globo
Após roubar toda a fortuna da tia, a vilã não desiste em tentar destruir sua vida; saiba mais - Reprodução/TV Globo

A vilã Sandra (Flávia Alessandra) não desiste em tentar destruir a vida da tia Anastácia (Eliane Giardini).

Depois de roubar toda a fortuna de sua tia, a megera terá que responder a um processo judicial feito pela mãe de Candinho (Sergio Guinzé).

Logo, Sandra terá um plano maligno para continuar com os bens da tia: colocar Anastácia em um hospício. Nos próximos capítulos de Êta Mundo Bom, Sandra terá um encontro com seu advogado que irá defendê-la: "É tudo o que quero: processar titia e colocá-la na cadeia", dirá Sandra ao advogado.

"Na cadeia ou em um hospício", responde ele. "Hospício? Doutor, media, como faço para colocar titia num hospício?", questiona a megera, encantada com essa possibilidade.

Assim, Sandra e o advogado passarão a afirmar que a ex-milionário não possui incapacidades mentais: “Veja bem: algumas pessoas, depois de certa, têm uma espécie de demência. Elas se esquecem do que fizeram ou deixaram de fazer”, diz ele.

Como é o caso de titia”, completa Sandra. O advogado confirma: “Se ela assinou e agora a processa, há de ser um caso de falha de memória.” “Agora eu fiquei preocupada, doutor. Estamos em litígio, mas ela ainda é a minha tia. Se necessita de cuidados, o que devemos fazer?”, questiona a vilã.

O advogado ainda explica que precisarão da confirmação do perito de grafologia, que comprova a assinatura de Anastácia nos documentos, para confirmar que a tia de Sandra não está em condições perfeitas de sua saúde mental:

“Ela casou-se com um homem que diz ser professor de Filosofia, embora ande fantasiado pelas ruas. Soube que ele até foi preso vestido de bailarina”, acrescenta Sandra. Ela ainda lembra que Candinho vive conversando com o burro Policarpo. “Outro candidato à camisa de força”, instiga o advogado.