Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
Novelas / Superação

Após luta contra câncer, Juliano Laham revela que perdeu 10kg para viver José em 'Gênesis': "Desafio"

Ator será protagonista na última fase da trama bíblica; confira

Redação CONTIGO! Publicado em 16/07/2021, às 16h19

Ator será protagonista na última fase da trama bíblica; confira - Reprodução/Instagram
Ator será protagonista na última fase da trama bíblica; confira - Reprodução/Instagram

A sexta e última fase de Gênesis, na Record TV, chegará às telinhas em agosto e Juliano Laham é um dos artistas que entram nessa etapa como protagonista.

O ator interpretará José do Egito, um dos mais relevantes entre as passagens da Bíblia. O personagem é filho de Jacó, hoje vivido por Miguel Coelho e que na próxima fase será o papel de Petrônio Gontijo.

Para interpretar o personagem, que será traído pelos irmãos na novela, o artista revelou que precisou passar por uma preparação completa. Além de estudar sobre o ícone bíblico, o ex-global passou por uma mudança física considerável.

“Estava acima do peso após minha cirurgia no ano passado e precisei perder 10kg. Estou buscando ter uma alimentação regrada e praticando exercícios”, contou ele, se referindo à retirada de um tumor benigno das glândulas adrenais que precisou fazer em 2020.

Além disso, Laham fala que precisará soltar a voz com a atuação. “Eu venho me preparando desde janeiro. A novela terá uma parte musical, e cantar está sendo um desafio e tanto!”, revela, animado com o trabalho.

As informações são de portal Observatório da TV.

EM ALTA!

A Record TV apostou em uma grande produção bíblica para seu horário nobre e vem colhendo ótimos frutos. Gênesis mais uma vez ocupa a liderança das audiências da emissora, no relatório semanal do Painel Nacional de Televisão (PNT),

De acordo com o relatório, referente ao período de 5 a 11 de julho, a trama marca 11,4 pontos de média, segundo dados projetados no Atlas de Cobertura da Record TV, quase 37 milhões de telespectadores assistiram à superprodução, em todo o País, por pelo menos um minuto.