Contigo!
Busca
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Youtube Contigo!Tiktok Contigo!Spotify Contigo!
Notícias / Criadora de conteúdo adulto

Mulher de 72 anos entra para plataforma adulta e fatura milhões

Michelle Hardenbrook fatura milhões com a venda de conteúdo adulto em uma plataforma

Redação Contigo! Digital Publicado em 28/05/2024, às 21h02 - Atualizado às 21h34

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Michelle Hardenbrook já foi profissional do sexo - Foto: Reprodução/YouTube
Michelle Hardenbrook já foi profissional do sexo - Foto: Reprodução/YouTube

Michelle Hardenbrook (72) tem faturado alto com a venda de conteúdo adulto. Moradora de Nova Orleans, Louisiana, EUA, a idosa teve uma mudança de vida após ter sido alvo de críticas de um rapper sobre um vídeo publicado por ela no X, antigo Twitter.

Durante a pandemia da covid-19, Hardenbrook teve um problema de saúde e precisou usar a criatividade para conseguir arcar com os custos. A saída encontrada foi a produção de conteúdo voltado para o público adulto, o que rapidamente a fez cair nas graças dos internautas.

De acordo com o Daily Star, Michelle já trabalhava com profissional do sexo e tinha cerca de 100 clientes fixos, o que garantia seu sustento e renda mensalmente. A pandemia a deixou em ruínas, mas logo a descoberta de plataformas abriu um novo leque de possibilidades para a norte-americana.

Arrasada com os ataques de um músico, a idosa furou a bolha e conseguiu ser assunto. Ela rapidamente passou a ganhar seguidores na rede social e abriu um perfil no OnlyFans para disponibilizar suas fotos de vídeos apenas para assinantes.

Michelle conseguiu ter um pico de 3.115 assinantes em seu perfil, o que lhe garantiu US$ 31 mil (equivalente a R$ 160 mil). Mesmo sendo alvo de críticas, ela não se intimidou e continua sendo um sucesso no segmento.

Segundo a publicação, Hardenbrook atraiu olhares de uma agência de gestão e foi contratada para tornar tudo ainda mais profissional. Com o sucesso em seu OnlyFans, ela abriu um novo perfil e agora acumula mais de 5.000 assinantes mensais.

Para se ter uma ideia, o faturamento da idosa em abril foi de R$ 255 mil. Michelle pretende seguir carreira no OnlyFans e tem apostado em fotos e vídeos cada vez mais quentes. Questionada sobre críticas, ela debocha dos haters e comemora sua saída do abismo financeiro. "Eles me criticam, mas faturo uma fortuna", dispara.