Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!Spotify Contigo!
No Limite / Treta!

No Limite: Angélica Ramos solta os cachorros e detona Íris Stefanelli em vídeo: "Toma vergonha nessa sua carinha"

Ex-participante disparou contra a concorrente após vídeo de defesa da loira; veja

Redação CONTIGO! Publicado em 07/06/2021, às 18h57

Angélica Ramos detona Íris Stefanelli - Reprodução/Instagram
Angélica Ramos detona Íris Stefanelli - Reprodução/Instagram

A treta esquentou! Angélica Ramos usou as redes sociais para rebater Íris Stefanelli nesta segunda-feira (07).

Após a loira publicar um vídeo em que aparece desabafando sobre ter sido supostamente injustiçada por suas falas no No Limite, a concorrente resolveu dar um recado bem direto.

"Acabei de ver que a senhora Íris Stefanelli me citou no Instagram dela, falando que eu peguei um gancho na história de vida da Ari pra subir em cima dela. Vocês contam ou eu conto?", disparou.

Ela prossegue: "Toma vergonha nessa sua carinha loira!", afirmando que ela só notou a presença de Íris no reality quando ela foi citada, além de detonar a atitude da loira de não se desculpar pelo que foi dito no programa. "Quando a gente não sabe de uma coisa, a gente fica quietinha, pra não passar vergonha. Você agiu erroneamente, deveria se retratar e não se retratou".

Ela finaliza, com uma super alfinetada: "Você acha que é quem? Eu queria entender essa importância da fada sensata do trisal", fazendo referência ao trisal formado por Íris, Diego Alemão e Fani Pacheco no BBB7.

ENTENDA

A ex-BBB Íris Stefanelli decidiu fazer uma sessão de desabafo nas redes sociais, pois, segundo ela, acordou angustiada nesta segunda-feira (7) devido à polêmica em que protagonizou ao lado de Ariadna Arantes em 'No Limite'. No reality, as duas se desentenderam quando a loira disse que a modelo não precisava ter se prostituído quando era mais jovem

Com uma sequência de vídeos publicada em seu perfil oficial, a apresentadora confirmou ainda estar confusa sobre o que falar a respeito da situação e ainda disse que sua família se prejudicou com a briga. "Ainda não me desceu essa história. Se eu falo que a pessoa não tem opção: 'Isso mesmo, tem que se prostituir', eu iria apanhar igual a um cachorro. Aí, eu falo, 'não, tem opção, tem saída, tem que acreditar'. Mesmo assim tomei pancada, injustiça das grandes, mas eu aguentei calada".