“A novela mexe muito com minha fé”, afirma Rodrigo Andrade sobre ‘Jesus’

O ator conta que a experiência na Record TV está mudando a sua vida

quarta 13 março, 2019
Aos 35 anos, Rodrigo se divide entre a carreira de ator e cantor
Aos 35 anos, Rodrigo se divide entre a carreira de ator e cantor Foto:Divulgação

Em Jesus, Rodrigo Andrade vive Simão, o Zelote, um dos 12 apóstolos de Cristo (Dudu Azevedo), em Jesus. Depois de dez anos na Globo, ele topou o desafio de participar de uma novela bíblica Record TV e afirma que essa experiência transformou sua relação com a fé. “Por conta dela, passei a procurar conhecer mais Jesus e tem sido maravilhoso”, comemora o paulista, de 35 anos, que investe também em sua faceta de cantor. Além dos shows que faz por todo o país, Rodrigo já lançou dois álbuns, 30 Anos (2014) e Amor Impossível (2011, apenas em formato digital), que revelam sua faceta sertaneja. Conheça um pouco mais sobre esse sujeito boa praça e bom de papo!

 
Você foi nascido e criado no interior de São Paulo. O que você guarda dessa época?
Minha essência ainda é do caboclo do interior, que escuta moda sertaneja e faz churrasco toda semana (risos). Meu pai, Neno, era palhaço de Circo e meu avô materno, João Henrique, integrava uma dupla sertaneja! Acredito que a convivência com eles me ajudou na minha formação profissional? Ganhei meu primeiro violão do meu avô e meu pai sempre foi um artista em casa.
 

Veja mais

Você aprendeu a tocar violão sozinho aos 7 anos! Como equaliza a questão do talento inato com a necessidade de um estudo mais formal?
Sou muito estudioso, estudo pelo menos 6 horas por semana.


Você já foi vendedor de tênis, garçom, produtor de uma banda e modelo e até dividiu um apartamento com Rafael Cardoso e André Bankoff antes da fama! Tem boas lembranças dessa época?
Era uma época muito boa, tínhamos chegado ao Rio com apenas sonhos na bagagem, tenho muitas lembranças lindas e muitas que jamais podem ser contadas (risos).
 

Ah, mas deve ter alguma história engraçada, curiosa ou dramática desse período...
Era muito perrengue, muita ralação, mas tínhamos sempre muita fé e esperança que conseguiríamos realizar nossos sonhos. André mora em São Paulo, vejo muito pouco. Já o Rafa é um dos melhores amigos, estamos sempre juntos, sou padrinho dos filhos dele e ele será dos meus. É o irmão que Deus me deu.
 

Como você se equilibra entre as carreiras de cantor e ator? Alguma tem um peso maior?
Em determinados momentos eu foco mais em uma e, em outros, eu foco na outra. Agora se amo mais uma profissão do que a outra já não tenho como dizer.

 

Entre os personagens que você fez qual te traz mais nostalgia? E qual gostaria de ter feito e não fez?
O Berto, de Gabriela (2012) era um supervilão e marcou muito a minha carreira, me rendeu prêmios e tenho um carinho muito grande por ele. Eu gosto de qualquer personagem que se distancia o máximo possível do Rodrigo. Tenho vontade de fazer um esquizofrênico, um travesti e até mesmo outro vilão como o Berto.
 

Em 2014 você participou do Super Chef Celebridades! Como está esse seu lado cozinheiro? Qual é a sua especialidade?
Eu amo cozinhar e até que mando bem, sou bom de tempero (risos). Mas minha especialidade é o churrasco que pratico toda semana.
 

Você ficou doente numa viagem aos Estados Unidos, teve contato com um pastor evangélico e logo depois recebeu o convite para a novela? Fala um pouco dessa história e diga se acredita em coincidência ou acha que já está tudo "escrito"?
Olha, o que saiu na mídia foi bemmm distorcido. Eu estava com uma crise de sinusite e, sim, ganhei uma Bíblia de um pastor de uma igreja batista. Foi apenas isso, e comecei a ler. A questão da novela surgiu depois. Agora, se foi coincidência ou um sinal prefiro não saberia responder. 
 

Como está sendo a experiência de trabalhar numa novela bíblica?
Maravilhoso! Trabalhar na RecordTV tem sido uma grande experiência, tenho feito grandes amigos.
 

Como foi a sua construção do personagem?
Foi basicamente igual todas as outras, através de muito estudo. Buscando todas as referências e criando o personagem de forma bem particular. A novela mexe muito com minha fé. Por conta dela, passei a procurar conhecer mais Jesus e tem sido maravilhoso. 

Você é muito apegado a seus cachorros, não é?
Amo animais, amo natureza. Meus filhos caninos só sabem me trazer alegrias, representam parte minha família.
 

O desejo de ser pai ainda está forte?
Sim desejo ser pai, mas tudo no seu tempo.
 

Você e Joyce estão casados há quatro anos. Como está a relação de vocês?
Nossa relação está cada vez mais forte, estamos cada vez mais apaixonados. Amadurecemos juntos e nossa relação é muito especial. Ela é minha companheira, amiga, parceira e não consigo me imaginar em um futuro sem ela.
 

Você é vaidoso? O que tem feito para manter a forma?
Na verdade não sou (risos). Deveria ser mais. Com a correria e a intensidade das gravações tem sobrado pouco tempo para malhar. Mas tento correr na praia pelo menos três vezes por semana. 
 

Que balanço você faz de 2018 e quais são as suas expectativas para 2019? Já tem projetos engatilhados para depois de Jesus?
Dois mil e dezoito foi um ano muito bom, um ano de cuidar e amadurecer minhas relações pessoais com minha família e com minha espiritualidade. Foi um ano que troquei de “casa” Globo para Record e me adaptei muito bem. Fiz um personagem muito especial que me ajudou a crescer bastante então resumindo foi um ano ótimo. Para 2019 graças a Deus começo com o pé direito e muitas oportunidades profissionais. Com certeza será um ano de muitas conquistas. Ainda não decidi por onde vou caminhar, porém não tenho dúvidas que será muito especial.

Jorge Luiz Brasil
Leia Mais:

ESPECIAL CONTIGO

NOVELAS

  1. 1 'A Dona do Pedaço': Régis cai em armadilha de Josiane e vai preso
  2. 2 Estrelas se reúnem para lançar 'Éramos Seis', a nova novela da Globo
  3. 3 Avenida Brasil será exibida no Vale a Pena Ver de Novo, diz site
  4. 4 Laura Cardoso começa a gravar A Dona do Pedaço com Juliana Paes
  5. 5 Duda Nagle aparece nu em 'A Dona do Pedaço' e Sabrina Sato reage