Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

William Bonner manda recado para Jair Bolsonaro após ataques contra repórter: "Não será com gritos que impedirá o trabalho"

Ao vivo no 'Jornal Nacional', jornalista também declarou apoio à jornalista que foi atacada durante entrevista

Redação Contigo! Publicado em 22/06/2021, às 07h47

William Bonner manda recado para Jair Bolsonaro após ataques contra repórter: "Não será com gritos que impedirá o trabalho"
William Bonner manda recado para Jair Bolsonaro após ataques contra repórter: "Não será com gritos que impedirá o trabalho" - Reprodução/Instagram

O jornalista William Bonner mandou um recado durante o Jornal Nacional desta segunda-feira (21) em que declarou apoio para a jornalista Laurene Santos, da TV Vanguarda, afiliada da TV Globo.

Ela entrevistava o presidente Jair Bolsonaro quando foi vítima de um ataque de fúria. Ele mandou a jornalista "calar a boca" e criticou duramente o jornalismo da emissora com adjetivos como "lixo" e "porco".

Ao vivo no JN, o âncora do telejornal lembrou que a equipe da Globo não será intimidada.

"Não será com gritos nem com intolerância que um presidente impedirá ou inibirá o trabalho da imprensa. Esta, ao contrário dele, seguirá cumprindo seu papel com serenidade. À Laurene Santos, a irrestrita solidariedade, da Globo e da TV Vanguarda", afirmou ele.

Veja:

HOMENAGENS

O Jornal Nacional deste sábado (19) começou em tom de luto.

No dia em que o Brasil alcançou a triste marca das 500 mil mortes causadas pela Covid-19, o principal noticiário da Globo iniciou sem a música-tema e trouxe os âncoras, William Bonner e Renata Vasconcellos, vestidos de preto.