Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / Apoio

Viúvo de Gilberto Braga revela no que vem se apoiando para superar luto: "Triste"

Viúvo de Gilberto Braga, Edgard Moura Brasil falou sobre os últimos dias sem o marido; confira a tocante declaração e imagem do autor em sua juventude

Redação CONTIGO! Publicado em 26/11/2021, às 22h18

Viúvo de Gilberto Braga, Edgard Moura Brasil falou sobre os últimos dias sem o marido; confira a tocante declaração - Reprodução/Instagram
Viúvo de Gilberto Braga, Edgard Moura Brasil falou sobre os últimos dias sem o marido; confira a tocante declaração - Reprodução/Instagram

Viúvo de Gilberto Braga, Edgard Moura Brasil publicou uma mensagem agradecendo o apoio que teve dos amigos e fãs do marido após sua morte. 

Nesta sexta-feira (26), o decorador, que foi casado por 49 anos, explicou que as mensagens o ajudam a passar pelo luto.

"Um mês após a partida do nosso Gilberto, venho de coração, agradecer a todas as manifestações de carinho e solidariedade recebidas. Elas me ajudaram a suportar esse momento tão triste", declarou ele, ao lado de uma foto do autor na juventude.

Gilberto Braga morreu aos 75 anos e deixou um legado. Ele foi autor de novelas como Vale Tudo, Dono do Mundo, Dancing Days, Corpo a Corpo, Anos Dourados, Celebridade e Paraíso Tropical.

O novelista sofria de Alzheimer e estava internado em um hospital do Rio de Janeiro. Nos últimos dias antes de sua morte, ele enfrentou uma infecção sistêmica a partir de perfuração de esôfago e não conseguiu resistir às complicações.

DESABAFO

O decorador Edgar Moura Brasil comoveu os fãs na noite desta quarta-feira (27) ao publicar uma tocante homenagem ao marido, o autor Gilberto Braga.

Eles viveram uma história de amor que durou 49 anos - eles só se casaram oficialmente em 2014.

"Gilberto meu querido, o que dizer de um companheiro de 49 anos de respeito, afeto, carinho, amizade. O que dizer de um amigo com quem eu convivi muito mais de dois terços da minha vida. De um companheiro que eu amei, que me ensinou e com quem eu mantive, um relacionamento sincero, profundo e que eu também ajudei num crescimento mútuo. Desde os meus 18 anos eu o tenho como amigo, companheiro, amante", disse ele.