Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / BBB

Viúva de Tom Veiga, Cybelle Hermínio se defende de acusações de agressão: ''É um absurdo''

Na companhia do advogado, empresária grava vídeo e nega que tenha agredido intérprete de Louro José

Redação Contigo! Publicado em 07/04/2021, às 17h47

Viúva de Tom Veiga nega agressões ao ator
Viúva de Tom Veiga nega agressões ao ator - Instagram

Cybelle Hermínio, viúva de Tom Veiga, o intérprete de Louro José, se pronunciou nesta quarta-feira (07) após ser acusada de ter agredido o então marido em setembro de 2020, cerca de dois meses antes de ele ser encontrado morto em casa.

As acusações foram publicadas pelo jornal Extra. A publicação diz que Alessandra Veiga, ex-mulher do ator, recebeu fotos dele com arranhões e hematomas. Ele também teria enviado um áudio detalhando o término turbulento.

Em um vídeo ao lado de seu advogado, Cybelle negou todas as acusações, afirmando que os dois tiveram apenas uma briga de casal e nunca se separaram oficialmente.

“Minha relação com o Tom sempre foi muito carinhosa, brincalhona, muito amorosa. Nunca houve nenhum tipo de violência de nenhuma das partes, a gente tinha briga normal como todo casal, mas nada que fugisse do nosso dia a dia, fugisse do controle”, garantiu.

"É um absurdo o que estão falando. Nunca houve nada disso, desconheço completamente aquelas marcas, fotos que estão circulando nas mídias. Absurdo, nunca houve nada disso. Não tem B.O. registrado, corpo delito, medida protetiva.".

EMPREGADA CONFIRMA VERSÃO

A empregada doméstica Josenilde de Cássia Santos Silva, que trabalhava na casa do ator Tom Veiga, registrou um depoimento no 15° Serviço Notarial da Barra da Tijuca no dia 4 de dezembro de 2020 em que fez graves acusações contraCybelle Hermínio, então esposa do ator.

As informações foram publicadas com exclusividade pelo jornalista Leo Dias, do Metrópoles. Na reportagem, ele traz detalhes do depoimento. Em um dos trechos, a empregada, que diz que era muito próxima do ator, revela que em setembro de 2020 Tom afirmou que foi espancado pela então mulher.

VEJA DEPOIMENTO NA ÍNTEGRA: