Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Thiago Gagliasso ataca Samantha Schmutz e expõe pagamentos do governo de SP: "Estou de saco cheio"

Após o post do irmão de Bruno Gagliasso, atriz emitiu nota de esclarecimento sobre os valores recebidos; veja

Redação Contigo! Publicado em 22/06/2021, às 08h10

Thiago Gagliasso ataca Samantha Schmutz e expõe pagamentos do governo de SP: "Estou de saco cheio" - Reprodução/Instagram
Thiago Gagliasso ataca Samantha Schmutz e expõe pagamentos do governo de SP: "Estou de saco cheio" - Reprodução/Instagram

O ator Thiago Gagliasso publicou nas redes sociais um post em que faz críticas contra a atriz Samantha Schmütz.  Na publicação, ele revela que ela recebeu dois pagamentos do Governo do Estado de São Paulo por apresentações em um festival online.

"Fica em casa seus trouxas, enquanto o Governador de São Paulo gasta o seu dinheiro pagando atriz militante. Seremos todos babacas até quando?", declarou ele.

"Vocês juram que esse 'Fora Bolsonaro' é à toa? Que fique bem claro que não é ilegal receber o dinheiro para fazer um trabalho, mas, agora em plena pandemia e com o povo na merda, chega ser nojento aceitar um cachê para fazer isso! Estou de saco cheio dessa gente babaca mesmo! Vou atrás do que eu acho certo!", disparou ele.

A atriz emitiu uma nota logo após os ataques do irmão de Bruno Gagliasso, um conhecido apoiador do presidente da república Jair Bolsonaro. Segundo a equipe da atriz, os pagamentos foram dentro da lei e realizados por um evento cujo objetivo era incentivar o respeito às normas sanitárias.

"A atriz e cantora foi contratada em abril de 2020 pelo Governo de São Paulo para a realização de cinco lives no festival #CulturaEmCasa. Sendo assim, a apresentação da artista corrobora com o seu posicionamento que, desde sempre, foi de estimular a população a não se aglomerar e levar cultura para quem está em casa, em período de pandemia. Além disso, Samantha dividiu seu cachê com toda a equipe envolvida no espetáculo, que ainda está sendo duramente afetada pela crise no setor", declarou ao jornal O Dia.

Veja:

PEDIDO DE DESCULPAS

Após a morte de Paulo Gustavo, a atriz tem mostrado atitudes firmes e, utilizando suas redes sociais, vem cobrando que outros famosos façam o mesmo. Na semana do falecimento, ainda indignada, ela apoiou um comentário que criticava atitudes de artistas como Deborah Secco que seguiram sua vida normalmente. O julgamento citava até mesmo fazer 'dancinhas' nas plataformas digitais como se o país não estivesse enfrentando um momento trágico

"Falamos com tantas pessoas na internet e não estamos tratando assuntos sérios. Não é para as pessoas pararem de fazer publicidade ou dancinhas. Não é isso. Mas é cruel fazer neste momento. Mais uma vez, não estou apontando o dedo para alguém. Todos nós temos que nos questionar: Será que é legal só mostrar a vida maravilhosa? Não quero transformar isso numa briga pessoal", disse ela em entrevista para o jornal O Globo.