Contigo!
Facebook Contigo!Twitter Contigo!Instagram Contigo!
Famosos / DESABAFO

Suzana Alves desabafa ao relembrar período como a personagem Tiazinha: "Não tinha paz, me sentia solitária"

Atriz conta como conseguiu se livrar da personagem para construir uma trajetória que ela se orgulhasse

Redação Contigo! Publicado em 02/05/2021, às 10h08

Suzana Alves desabafa ao relembrar período como a personagem Tiazinha: "Não tinha paz, me sentia solitária" - Reprodução/Instagram
Suzana Alves desabafa ao relembrar período como a personagem Tiazinha: "Não tinha paz, me sentia solitária" - Reprodução/Instagram

Lançando um curso em que ajuda mulheres a encontrarem seus propósitos, a atriz Suzana Alves encantou os fãs ao fazer um desabafo sobre o seu passado.

Ela revelou como teve a coragem de deixar o personagem no auge do sucesso.

"Agora eu dou risada, mas deviam pensar: "Que maluca, radical". Mas é que eu sou muito assim, de verdade, não consigo estar no desconforto. Quando eu decidi, percebi que não estava feliz. Tinha tudo, mas o que eu queria mesmo para a minha vida, que era estudar, terminar a faculdade, viajar, ter uma família, eu não tinha tempo para fazer. Sabia que não teria as duas coisas", declarou ela para a colunista Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

Na entrevista, a atriz disse que ganhava muito dinheiro, mas que não era suficiente para mantê-la feliz e realizada. Ela tinha outros planos.

"O sucesso da Tiazinha e toda aquela exposição iam sufocar questões que eu queria resolver. Dinheiro esconde tudo. A personagem já estava maior do que eu. A Suzana não tinha uma vida própria. Eu não tinha uma vida, pensava que ninguém ia me amar de verdade. Os homens se aproximavam de mim por interesse. Eu não tinha paz. Me sentia solitária, protegida de todo mundo, com segurança, motorista etc. Me sentia num castelo inatingível. Eu queria ir à praia com as amigas e ao shopping. Então, resolvi e mudei a minha história. Não queria perder tempo", desabafa ela. 

Ao deixar a personagem e construiu um novo caminho, ela sentiu que muita gente se afastou, mas que o processo foi importante para que ela conseguisse chegar à estabilidade emocional.

"Foi remar contra a maré. Sabia que as pessoas iam me rejeitar e me jogar pedras. Vi logo que aqueles amigos não eram meus amigos, que muita gente se aproximava de mim por interesse. Não tive apoio e não imagina que ia ser tão difícil. Mas em nenhum momento eu quis voltar atrás, nem nos mais difíceis. Durante todo o processo, tive depressão. Com o tempo, foi ficando mais leve. Passei por oscilações, em um momento estava bem, no outro, mal. Até entender o caminho de sempre ficar estável. Há uns cinco anos estou assim", diz ela feliz.

ELENCO

Aos 42 anos, a atriz está no elenco de Gênesis, da Record TV. Até então, o último trabalho da atriz em novelas foi vivendo a personagem Inês em Topíssima, na Record TV. Nas últimas duas décadas, a intérprete também foi destaque nas tramas como Cidadão Brasileiro (2006) e Amigas e Rivais (2007), do SBT.